Missionário aposentado é libertado por sequestradores, na Nigéria

Os cristãos na Nigéria são alvos de sequestro, seja por militantes islâmicos ou por bandidos

O missionário aposentado Joe Keke, de 75 anos foi libertado pelos sequestradores na semana passada
O missionário aposentado Joe Keke, de 75 anos foi libertado pelos sequestradores. Foto – Divulgação

Um missionário aposentado foi libertado depois de ser sequestrado em um ataque no qual outro foi morto, na Nigéria. O padre Alphonsus Bello, trinta anos e estava à frente da Diocese de Kaduna, mais ao sul.

Colegas da Igreja confirmaram a libertação do missionário Joe Keke, no último 3 de junho, e disseram que o homem de 75 anos estava sob tratamento médico. Segundo informações, da entidade cristã de caridade Barnabas Fund.

Ele foi sequestrado em 20 de maio junto com o ministro da igreja, Alphonsus Bello , 33, de uma igreja no estado de Katsina, no centro-norte da Nigéria.

Publicidade

O corpo do ministro mais jovem foi encontrado no dia seguinte em uma fazenda perto da escola de treinamento da igreja em Malunfashi.

A Nigéria continua sendo um dos países com maior risco para os cristãos. As atrocidades e assassinatos cometidos contra eles vêm aumentando há vários anos, especialmente no norte, onde tanto grupos criminosos quanto terroristas jihadistas estão em plena atividade.

Os cristãos na Nigéria são alvos de sequestro, seja por militantes islâmicos ou por bandidos. A Comissão dos Estados Unidos sobre Liberdade Religiosa Internacional (USCIRF) advertiu sobre um “genocídio cristão” se o governo da Nigéria não puder proteger os cristãos do terrorismo islâmico.

Seguir o Amigo De Cristo no Google Notícias

Deixar cometário no Facebook: