Como vivem os cristãos perseguidos na Coreia do Norte

Como é ser cristão no país que ocupa o topo do ranking de perseguição.

Como vivem os cristãos perseguidos na Coreia do Norte
Como vivem os cristãos na Coreia do Norte. Foto – Divulgação

A Coreia do Norte é um país difícil para os cristãos viverem e adorarem abertamente. É difícil saber exatamente quantos cristãos existem na Coreia do Norte, porque eles devem manter sua fé bem escondida.

Mas o Portas Abertas estima que sejam 400.000, com cerca de 1,5 por cento da população, e sendo de 50-70.000, desses cristãos perseguidos vivem em prisões horrendas e campos de trabalho forçado.

Como os cristãos são perseguidos na Coreia do Norte?

Publicidade

Ser um seguidor de Cristo na Coréia do Norte, pode te custar a vida. Você será levado a um campo de trabalhos forçados como criminoso político. Eessas prisões são desumanas têm condições horríveis, e poucos crentes conseguem sobreviver.

Muitos cristãos são incapazes de se encontrar com outros crentes e têm que manter sua fé totalmente oculta. Há até histórias de maridos e esposas que não sabiam, por muitos anos, que seu cônjuge também era cristão.

A polícia secreta realiza buscas para identificar os cristãos e as crianças são incentivadas a contar aos professores sobre qualquer sinal de fé na casa dos pais. Um cristão nunca está seguro.

O que mudou na Coreia do Norte?

Populção: 25,8 Milhões
Cristãos: 400 Mil
Religião:  Ideologia juche, ateísmo, crenças tradicionais, budismo e confucionismo
Governo: Estado comunista
Líder: Kim Jong-un
Posição: 1º na Lista Mundial da Perseguição

O ano de 2021 é o 20 º ano consecutivo em que a Coreia do Norte, tem sido classificada como o país onde os cristãos enfrentam a mais extrema perseguição. Os cristãos norte-coreanos continuam enfrentando extrema perseguição em todos os aspectos de suas vidas públicas e privadas.

Embora as autoridades norte-coreanas afirmem que a Covid-19 teve pouco impacto no país, os norte-coreanos a chamam de “doença fantasma”, isso porque as pessoas já estão tão desnutridas que morrem muito rapidamente. A pandemia aumentou a segurança na fronteira chinesa.

Quem é mais vulnerável à perseguição?

Qualquer um que seja cristão na Coreia do Norte, é vulnerável à perseguição. O controle das autoridades norte-coreanas vai além das fronteiras: agentes secretos na China têm a tarefa de encontrar e sequestrar cristãos norte-coreanos que fugiram do país.

Como posso ajudar os cristãos na Coreia do Norte?

Continue orando por seus irmãos e irmãs na Coreia do Norte. Suas orações fazem uma enorme diferença para aqueles que seguem Jesus, não importa o custo.

Os funcionários secretos do Portas Abertas estão mantendo 90.000 crentes norte-coreanos vivos com alimentos vitais e ajuda através de redes na China, bem como fornecendo abrigo e treinamento para refugiados norte-coreanos na China.

Ore pela Coreia do Norte

  • Ore pelos crentes secretos da Coreia do Norte, para que Deus continue a fortalecê-los, suprir suas necessidades e mantê-los seguros.
  • Ore pelos crentes que estão presos. Ore por conforto e força para eles, e que mesmo na prisão, eles conheçam a presença e o amor de Deus.
  • Apesar dos riscos, ouvimos histórias de crentes compartilhando o evangelho com outras pessoas, mesmo em campos de prisioneiros na Coréia do Norte. Ore para que os crentes norte-coreanos brilhem como luzes nos lugares mais escuros da terra.
  • Peça que Deus abençoe o trabalho das redes secretas do Portas Abertas na China e dê sabedoria e discernimento para aqueles que fornecem ajuda vital e comunhão aos crentes norte-coreanos que são capazes de chegar a casas seguras chinesas.
Seguir o Amigo De Cristo no Google Notícias

Deixar cometário no Facebook: