Cristãos são atacados durante construção de igreja na Índia

Os nacionalistas hindus de alguma forma queriam que a igreja fosse fechada nesta aldeia. É por isso que visaram o pastor e a construção do prédio da igreja, disse um cristão.

Uma igreja que teve sua construção interrompida após ataques em 2018, no norte da Índia
Uma igreja que teve sua construção interrompida após ataques em 2018, no norte da Índia. Foto – Divulgação

Em 11 de fevereiro, cristãos no estado de Jharkhand, na Índia, foram brutalmente atacados por nacionalistas hindus, que acusaram os cristãos de construir uma igreja. No ataque, três cristãos foram hospitalizados com ferimentos graves.

O ataque ocorreu enquanto cristãos na aldeia Meral, trabalhavam na construção de um novo prédio para a igreja na area. A multidão de 30 nacionalistas hindus, liderados por um homem chamado Shankar, invadiu o local da construção e atacou os cristãos.

Vários cristãos ficaram feridos no ataque, incluindo o pastor da igreja Ramnath e outros pastores que estavam no local ajudando. Os nacionalistas hindus, acusaram os cristãos de construir uma igreja não autorizada. e converter pessoas ao cristianismo.

Leia também:

“A turba gritava que os cristãos estavam convertendo pessoas ao cristianismo” , disse uma testemunha ocular à International Christian Concern (ICC). “ Eles disseram que não iriam deixar os cristãos continuarem a viver neste lugar.”

Como resultado do ataque, três cristãos ficaram gravemente feridos. O pastor Ramnath Ram, Pravesh Ram e Jai Murty Kunwar foram todos hospitalizados devido à gravidade de seus ferimentos.

Após o ataque, a polícia local entrou com o FIR nº 20/21 contra os 12 cristãos que foram atacados pela multidão. Três cristãos, incluindo Sunil Kumar, Sambu Kumar e Aryan, foram presos imediatamente e enviados para a prisão.

“Este parece ser um incidente pré-planejado”, disse um cristão local, que pediu anonimato, ao ICC. “ Os nacionalistas hindus de alguma forma queriam que a igreja fosse fechada nesta aldeia. É por isso que visaram o pastor e a construção do prédio da igreja.”

O estado de Jharkhand desde que adotou a lei anticonversão, nacionalistas hindus costumam usar mal essas leis para intimidar e perseguir os cristãos, na Índia. Usando falsas acusações de conversões forçadas, para obter imunidade legal por seus ataques às minorias religiosas.

Seguir o Amigo De Cristo no Google Notícias

Deixar cometário no Facebook: