“Um milagre”, diz mãe de meninas salvas de incêndio em Curitiba

Com ajuda da avó, duas meninas foram salvas de um incêndio no condomínio onde moram, na Região Metropolitana de Curitiba. Segundo a mãe das meninas foi milagre.

"Aconteceu um milagre", diz mãe de meninas salvas de incêndio em Curitiba
Os vizinhos ajunda salvar as crianças de incêndio em condomínio de Curitiba. Foto – Divulgação

Uma família em São José dos Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba, apesar do desespero está agradecida a Deus, após duas meninas se salvar com ajuda da avó, de um incêndio na tarde desta sexta-feira (8), no condomínio onde moram.

A mãe das crianças estava no mesmo prédio trabalhando em outro apartamento. Ela contou que, por causa do barulho, foi até a janela para ver o que estava acontecendo e descobriu que era a própria família que estava em perigo.

O fogo começou no apartamento do primeiro andar. Segundo relata o portal G1, a fumaça foi subindo conforme o incêndio ficava mais forte e a família ficou presa sem ter como sair do apartamento.

Publicidade

Leia tambem:

“Eu ouvi muita gente gritando, aí eu saí e vi aquela fumaça. Automaticamente, eu comecei a subir as escadas e voltei porque tinha muita fumaça. Eu gritava, sentava no chão, pedia ajuda, chamava os bombeiros, daí todo mundo todo mundo começou a me ajudar. Foi um desespero”, disse Daiani Estevan.

Quando um milagre acontece

Desesperada, a mãe das meninas, encontrou suas filhas já no pátio do local após vizinhos salvarem com lonas e colchões, que fora usados para amortecer a queda. Após o susto, as crianças foram levadas para o atendimento médico.

“Aconteceu um milagre, foi Deus”, contou a mãe que agora acompanha a recuperação completa das crianças.

A menina, de 7 anos, precisou ser internada no Hospital do Trabalhador porque machucou o ombro na queda. Do quarto, a menina mandou um recado para a avó que ajudou a salvá-la.

“Oi pessoal, estou aqui agora, aqui no médico, porque eu pulei da janela e eu estou gravando esse vídeo para a minha avó ver que a Janete também pulou”, afirmou Rafaelle.

A criança de 5 anos e o bebê não se machucaram. A avó sofreu um ferimento na coluna e foi internada no Hospital São José.

Seguir o Amigo De Cristo no Google Notícias

Deixar cometário no Facebook: