Oração de missionário traz muçulmano de volta à vida, que logo aceita Jesus

Oração de missionário traz muçulmano de volta à vida
O missionário cristão Rick Yeomans, presta socorro a vítimas de tragédias. Foto – Divulgação

O missionário, Rick Yeomans, desde que iniciou os Serviços do Ministério de Emergência em 2007, oferece aconselhamento e oração às vítimas de tragégias. Ele também participou do esforço de socorro no Haiti após o terremoto de 2010.

Recentemente, o missionário fez sua primeira viagem ao Oriente Médio para Beirute, junto com missionários da Horizons International. Ele foi para a área da explosão em Beirute, causada por 2.750 toneladas de nitrato de amônio armazenadas indevidamente em um depósito no porto, resultando em 204 mortes, 6.500 feridos e 300.000 desabrigados.

Um dos homens que Rick aconselhou recentemente se tornou cristão antes da explosão. Ele e seu filho de 12 anos estavam pescando na costa no momento do acidente, que os especialistas estimam transportar a força de 1,1 quilotoneladas de TNT.

Publicidade

Leia também:

“O menino viu um drone passar e momentos depois a explosão aconteceu”, diz Rick. A força da explosão jogou pai e filho na água. O menino apareceu primeiro, procurando o pai. Então o homem apareceu ofegante. Nenhum deles tinha ferimentos ou mesmo um arranhão no corpo.

Todos os homens que estavam pescando perto deles estavam flutuando de bruços na água, mortos.

O Rick Missionário fazendo uma oração pela mulher do homem muçulmano que voltou à vida
O Rick Missionário fazendo uma oração pela mulher do homem muçulmano que voltou à vida

Durante suas sessões de aconselhamento, Rick conheceu uma mulher que tinha vindo da Síria para Beirute com seu marido, escapando da devastação da Guerra Civil Síria.

“Eles moravam em um gueto e uma mulher que se tornou cristã a convidou para ir à igreja. O marido dela não a deixou ir”, conta o missionário. Apesar da proibição do mario, a mulher decidiu ir à igreja, para desgosto de seu marido.

Ela teve um encontro com Jesus no culto da igreja, onde entregou sua vida a Ele.

Rick conta que logo após, algo inesperado aconteceu. Poucos dias depois, seu marido que era muçulmano morreu. “Ela começou a orar por ele, chamando o nome de Jesus sobre seu corpo. A vizinha que a convidou para ir à igreja ouviu uma comoção e se aproximou”, relata Rick.

Eles começaram a orar pelo marido da mulher. Seu corpo estava frio e sem vida. “Dez minutos depois ele começou a piscar os olhos e se levantou. Naquele domingo ele foi àquela igreja e entregou seu coração a Jesus!”, conta o missionário.

Beirute

Durante sua estada em Beirute, Rick morou com dois jovens, muçulmanos que haviam aceitado a Jesus. Um dos rapazes, Odye, tornou-se cristão na Síria enquanto estudava psicologia na universidade.

Ele encontrou Jesus em uma padaria de propriedade de um cristão. Ele viu tanto amor e bondade na vida daquele comerciante que um dia perguntou: “O que te faz tão feliz o tempo todo?”

“Jesus mudou meu coração e me deu amor pelas pessoas”, respondeu o proprietário.

Diante daquela resposta, Odye disse: “Eu quero o mesmo amor”. Logo após, ele entregou seu coração e sua vida a Jesus.

“Quando Odye se tornou cristão, sua família o condenou à morte”, diz Rick. Mesmo assim, o rapaz começou a compartilhar sua fé com ousadia. “Se você conhece aquela parte do mundo, falar sobre Jesus é uma coisa perigosa de se fazer. Ele foi preso pelo governo e colocado na prisão, em uma cela de quatro por quatro”, explica Rick.

“Eles tiraram suas roupas e o jogaram na prisão no escuro. Depois de um mês, ele não tinha recebido uma refeição. Sabia que ia morrer. Ele estava com tanto medo de que os guardas o matassem se ele dissesse alguma coisa”, conta Rick.

Odye começou a clamar a Jesus. “Certa noite, sua cela se encheu de luz e Jesus veio até ele pessoalmente, tocou sua testa e disse: ‘Vai ficar tudo bem, acredite em mim’”.

“Por mais dois meses aquele homem sobreviveu sem comer nada. Ele foi libertado da prisão e o juiz disse: ‘Nunca mais compartilhe de Jesus’”, conta o missionário.

Odye fugiu da Síria e foi para Beirute, onde ele e outro homem moraram com Rick.

Oriente Médio

A viagem aprimorou as percepções de Rick sobre a vida no Oriente Médio. “Eu vi a dureza e a raiva da visão muçulmana da vida. Eles estão com raiva e desconfiados”, observou ele.

“Jesus está se movendo naquela parte do mundo de forma profunda. Minha fé cresceu. Você pode nascer de novo duas vezes?. Às vezes esquecemos a quem servimos. Servimos a um Deus que pode transformar as nações”.

Servimos a um Deus que pode ressuscitar os mortos. Servimos a um Deus que pode fazer coisas que as pessoas dizem que não podem ser feitas. Eu pude ver isso todos os dias em que estive lá, afirma.

“Jesus está andando pelos becos, salvando as pessoas e se revelando a elas”, concluiu.

Seguir o Amigo De Cristo no Google Notícias

Deixar cometário no Facebook: