Justin Bieber agradece a Deus pela transformação em sua vida

Meu encorajamento para você é deixar seu passado ser um lembrete de quão longe Deus o trouxe. escreveu, o cantor.

Justin Bieber agradece a Deus pela transformação em sua vida
Justin Bieber falou sobre perdão e transformação de vida, nas redes sociais. Foto – Divulgação

Nesse final de semana, o cantor Justin Bieber, fez uma publicação “agradecendo a Deus” pela profunda transformação em sua vida, desde que foi preso sete anos atrás. Nas redes sociais, o cantor disse que “não foi o melhor momento em sua vida” e que ele não se orgulha de onde estava.

Em em janeiro de 2014, Justin Bieber foi preso, e acusado de dirigir sob o efeito de bebidas ou drogas, resistir à prisão e dirigir com carteira de motorista inválida, após aparentemente correr em uma rua de Miami, Flórida.

Os promotores retiraram a acusação depois que o cantor fez uma doação de US $ 50.000 (cerca de £ 42.000) para uma instituição de caridade juvenil como parte de um acordo judicial.

Publicidade

Leia também:

No Instagram, compartilhando uma foto de si mesmo algemado, Justin Bieber, escreveu: “7 anos atrás, fui preso, não foi meu melhor momento”.

“Não tenho orgulho de onde estava na minha vida. Eu estava magoado, infeliz, confuso, com raiva, enganado, incompreendido e com raiva de Deus”.

“Tudo isso para dizer que Deus me trouxe um longo caminho. De então até agora eu percebi uma coisa”.. Deus estava tão perto de mim naquela época quanto está agora.

“Meu encorajamento para você é ‘deixar seu passado ser um lembrete de quão longe Deus o trouxe’. Escreveu, o cantor.

“Não permita que a vergonha arruíne o seu” hoje”, deixe o perdão de Jesus assumir o controle e veja sua vida florescer em tudo o que Deus planejou que você fosse.

Justin Bieber preso há sete anos atrás
Justin Bieber preso há sete anos atrás

A prisão – junto com a famosa foto de um Bieber de 19 anos sorrindo enquanto usava um macacão da prisão – parecia confirmar as suspeitas das pessoas que ele tinha recebido muito, muito cedo.

Uma petição online pedindo a deportação do canadense dos Estados Unidos atraiu mais de 100.000 assinaturas, embora o governo Obama tenha se recusado a fazer comentários substantivos.

Os outros embates de Bieber com a lei incluem alegações de vandalismo e agressão.

O cantor, que agora é casado com a modelo Hailey Baldwin, desde então falou abertamente sobre seu uso de drogas e revelou que temia que isso o matasse, dizendo que em seu ponto mais baixo ele acordaria e imediatamente fumaria maconha e engoliria comprimidos.

Ele contou como os membros de sua equipe de segurança, checavam seu pulso durante a noite para se certificar de que ele ainda estava respirando depois de tomar, um comprimido de ecstasy e cogumelos alucinógenos.

Seguir o Amigo De Cristo no Google Notícias

Deixar cometário no Facebook: