Inglaterra continua um país cristão diz a maioria dos britânicos

A maioria dos britânicos afirma que vive em um país cristão

Inglaterra ainda é um país cristão de acordo com a maioria dos britânicos
Segundo pesquisa da YouGov, Inglaterra ainda continua sendo um país cristão. Foto – Divulgação

Apesar do declínio nacional na observância religiosa, a maioria dos britânicos continua a ver a Inglaterra como um país cristão, concluiu um novo estudo. As informações, são de acordo com uma pesquisa da YouGov.

O YouGov descobriu que enquanto a maioria dos britânicos celebra a Páscoa e o Natal, a maioria o faz de maneira secular. Além disso, a religiosidade foi considerada muito baixa, com mais da metade dos britânicos (55 por cento) dizendo que não eram membros de nenhuma religião.

Curiosamente, no entanto, a maioria dos britânicos continua a afirmar que vive em um país cristão – de acordo com o estudo, 56 por cento dos britânicos têm essa opinião, junto com sete em cada dez (69 por cento) dos cristãos britânicos, bem como metade dos não cristãos (47 por cento) e daqueles que não são religiosos (49 por cento).

Publicidade

Um em cada quatro britânicos (28 por cento) diz que a Grã-Bretanha não é um país cristão, enquanto 16 por cento dizem que não sabem.

Os britânicos mais velhos têm mais probabilidade de ver a Inglaterra como um país cristão, com 53 por cento das pessoas com idades entre 25 e 39 anos, 59 por cento das pessoas com 40 e 50 anos e 61 por cento das pessoas com 60 anos ou mais tendo essa opinião. Entre os cidadãos mais jovens, o número cai – 41 por cento dizem que é um país cristão, enquanto 39 por cento dizem que não é.

Há também um acordo universal de que tanto o Natal quanto a Páscoa devem permanecer como feriados nacionais – opinião sustentada por religiosos e não religiosos.

Entre aqueles que não são cristãos, oito em dez (80 por cento) apoiam o dia de Natal e mais de sete em dez (74 por cento) apoiam a Sexta-feira Santa / Domingo de Páscoa como feriados. Apenas um em cada doze neste grupo (8 por cento) opõe-se à Sexta-Feira Santa e ao Domingo de Páscoa como feriados públicos.

Entre os britânicos que não pertencem a nenhuma religião, apenas 9 por cento opõem-se à Sexta-Feira Santa como feriado e 7 por cento pensam o mesmo no Domingo de Páscoa.

O tamanho total da amostra utilizada na pesquisa, foi entrevistados mais de 2.169 pessoas adultas, com a pesquisa online sendo realizada entre 27 e 30 de novembro de 2020.

Seguir o Amigo De Cristo no Google Notícias

Deixar cometário no Facebook: