Igreja mobiliza 1.200 voluntários para ajuda humanitária em Manaus

O principal problema é a falta de cilindros de oxigênio para o tratamento dos doentes mais graves, além de outros insumos.

Igreja Universal disponibiliza lvoluntários para ajuda humanitária na capital do Amazonas
Igreja Universal disponibiliza lvoluntários para ajuda humanitária em Manaus. Foto – Divulgação

Diante da crise de saúde no Amazonas, a Igreja Universal do Reino de Deus, mobilizou voluntários para levar ajuda aos pacientes e familiares. Mais de 1.200 voluntários têm feito parte da ajuda humanitária, que tem atendido da capital, Manaus, ao interior do estado.

Eles estão levando EPI’s aos profissionais da saúde, tais como máscaras, toucas, aventais, luvas e protetores de calçados. Além disso, os voluntários da Universal têm oferecido lanches, sopas e cafés.

Até o momento já foram doados 11.450 EPI’s, 7.700 garrafas de água, 5.150 lanches e 1750 sopas. Contudo, além dos alimentos e EPI’s, a Universal também tem auxiliado na logística de distribuição de cilindros de oxigênio por todo o estado.

Leia também

Voluntários também têm utilizado seus automóveis particulares para levar cilindros pelas cidades mais longínquas do estado. Em cada viagem, são transportados de 10 a 14 cilindros.

Neste domingo, 17 de janeiro, por exemplo, voluntários saíram da cidade de Manaus, com direção à cidade de Itacoatiara, que fica localizada a 275 km de distância da capital. Os cilindros levados pela equipe da Universal reabastecerão todas as demais cidades da região.

O auxílio também se estende ao espiritual. A cada visita realizada, os voluntários realizam orações de proteção aos médicos, enfermeiros, pacientes e seus familiares. Em três dias de mobilização, mais de 19 mil pessoas, entre doentes e familiares, foram beneficiadas.