Ex-imã é morto por se converter ao cristianismo, na Uganda

Uganda não é conhecido por ódio ao cristianismo, no entanto, está se tornando muito mais comum entre as comunidades de maioria muçulmana.

Ex-imã é morto por se converter ao cristianismo, na Uganda
O ex-Imã lendo a Bíblia após se converter ao cristianismo na Uganda. Foto -Divulgação

Um ex-imã da Mesquita de Macca de 41 anos na Ilha Dolwe, distrito de Mayuge na Uganda, foi morto por uma multidão muçulmanos. Esse ataque ocorreu apenas uma semana depois de Yusuf Kintu, se converter ao cristianismo.

De acordo com o pastor Andrew Nyanma da igreja do Evangelho Pleno Dolwe, conta que Yusuf colocou sua fé em Cristo, em 30 de novembro de 2020, após ouvir a mensagem do evangelho.

Já haviamos conversado, ele era um brilhante Imam muçulmano. Muito argumentativo mas também respeitava a fé de outras pessoas. Ele me deu um tempo humilde para explicar a ele por que Cristo é o único caminho para o pai.

Leia também:

Yusuf e sua família moravam em uma casa perto da mesquita, onde ele era um imã. Três dias depois de ser salvo, sua esposa Hashfa se divorciou dele e foi embora com dois de seus filhos pequenos para a casa de seu pai no distrito de Bugiri. Ele deixou para trás os dois filhos mais velhos, Abudkriim 19 e Sauda 16.

O parceiro da ICC em Uganda disse: “De acordo com várias testemunhas, a comunidade muçulmana local ficou chateada em Yusuf por deixar o Islã e se tornar cristã. O ex-imã, Yusuf foi seriamente espancado e deixado inconsciente.

Seu filho mais velho e sua filha não puderam ajudá-lo imediatamente, até de manhã, quando o pastor André chegou e o levou ao hospital. ”Mais tarde, ele morreu enquanto recebia cuidados no hospital.

Uganda não é conhecido por ódio ao cristianismo, no entanto, está se tornando muito mais comum entre as comunidades de maioria muçulmana. Muitos novos cristãos sofrem nas mãos de suas famílias e antigos amigos devido à conversão.

Yusuf é um dos poucos que é realmente morto, mas muitos sofrem perda de meios de subsistência, família, casas e propriedades. Por favor, ore pela família de Yusuf e por aqueles que o atacaram. Ore para que seu testemunho amoleça o coração daqueles que o odiaram no final.

Seguir o Amigo De Cristo no Google Notícias

Deixar cometário no Facebook: