Cristãos na China podem chegar a 300 milhões até 2030

População cristã na China será de 300 milhões até 2030, apesar da perseguição que os cristãos enfrentam quase diariamente sob o regime comunista.

O número de cristãos na China pode chegar a 300 milhões
O número de cristãos na China podem chegar até 300 milhões em 2030. Foto – Divulgação

O diretor de Pesquisa Estratégica do Portas Abertas, prevê aumento no número de cristãos na China, que pode chegar a 300 milhões até o ano 2030. Segundo o diretor da instituição, isso apesar da perseguição que a população cristã sofrem no país.

O Dr. Boyd-MacMillan disse ao Express UK, que a razão pela qual o Partido Comunista Chinês (PCCh), sob a liderança do presidente Xi Jinping, persegue os cristãos é porque temem que a Igreja se torne mais forte em número.

“Achamos que a evidência de por que a Igreja chinesa é tão visada é que os líderes estão com medo do tamanho da Igreja e do crescimento da Igreja”, observou ele.

Publicidade

Leia também:

“E se crescer na taxa que tem crescido desde 1980, e isso é entre 7 [por cento] e 8 por cento ao ano, então você está olhando para um grupo de pessoas que terá 300 milhões de pessoas, quase em 2030,” Boyd-MacMillan continuou.

“E, você sabe, a liderança chinesa, eles realmente fazem o planejamento de longo prazo. Quer dizer, o plano econômico deles vai para 2049, então isso os incomoda. Porque acho que se a Igreja continuar a crescer assim, eles terão que compartilhar o poder”.

Ao longo de 2020, a China intensificou sua repressão aos cristãos, apesar da pandemia. No mês passado, a Release International , uma organização internacional de vigilância cristã para cristãos perseguidos em todo o mundo, previu que a China estará entre outros países que aumentarão a perseguição contra os cristãos em 2021.

Recentemente, o pastor e escritor sino-americano Francis Chan foi forçado a retornar aos Estados Unidos depois que Hong Kong rejeitou seu visto. De acordo com a ChinaAid , Chan e sua família se mudaram de San Francisco para Sham Shui Po em Hong Kong em fevereiro passado para servir como missionário lá.

Seguir o Amigo De Cristo no Google Notícias

Deixar cometário no Facebook: