China condena Jornalista cristã a 4 anos de prisão por reportar sobre Covid-19 em Wuhan

China condena Jornalista cristã a 4 anos de prisão por reportar sobre Covid-19 em Wuhan
Jornalista cristã Zhang Zhan, foi condenada por cobrir sobre Covid-19 na cidade Wuhan na China. Foto – Divulgação

A jornalista cristã chinesa Zhang Zhan, foi condenada a quatro anos de prisão por reportar sobre o surto de COVID-19 na cidade de Wuhan, na (China) no início deste ano, conforme relatado pela Reuters.

A ex-advogada Zhang Zhan de 37 anos, viajou para Wuhan para repotar sobre a devastação do vírus em hospitais superlotados com relatos de primeira mão. De acordo com Faithwire, Zhan acreditava que Deus a chamou para a cidade.

“Eu a avisei sobre ir para Wuhan quando todo mundo estava tentando ir embora”, disse sua amiga Li Dawei. “Ela é uma cristã convicta e disse que era a vontade de Deus. Ela tinha que fazer isso e dizer a todos a verdade. ”

Publicidade

O advogado de Zhan, Ran Quanniu, disse que provavelmente apelarão da decisão.

“Não entendo”, disse a mãe de Zhan após o julgamento. “Tudo o que ela fez foi dizer algumas palavras verdadeiras, e por isso ela teve quatro anos.” Disse, ela.

Alguns críticos chineses acreditam que o país planejou propositalmente o julgamento durante o feriado nos Estados Unidos para desviar a atenção do Ocidente. Mas as Nações Unidas exigiram a libertação de Zhan e consideraram a sentença “um exemplo da repressão excessiva à liberdade de expressão associada ao COVID-19“.

Os líderes governamentais têm ameaçado consistentemente médicos e delatores para manter a narrativa de que o presidente Xi Jinping conseguiu conter o crescimento do vírus.

Zhan apareceu em uma cadeira de rodas no tribunal esta semana. Ela foi detida em meados de maio e fez greve de fome em junho. Seus advogados dizem que a polícia prendeu suas mãos e a forçou a comer em um tubo.

Ela falou pouco durante o julgamento.

“Durante o julgamento, o promotor apenas leu a lista de evidências, sem mostrar a maioria delas, incluindo as principais evidências”, disse Zhang Keke, um de seus advogados. “Zhang Zhan disse que o discurso dos cidadãos não deve ser censurado. Mas, fora isso, ela basicamente não falava. ”

Mesmo assim, seus advogados dizem que Zhan continua firme em seu amor a Deus na prisão. Ela citou 1 Coríntios 10:13 em uma visita recente, que diz: “Deus é fiel. Ele não permitirá que a tentação seja maior do que você pode suportar. Quando você for tentado, Ele lhe mostrará uma saída para que você possa resistir. ”

Seguir o Amigo De Cristo no Google Notícias

Deixar cometário no Facebook: