Coreia do Norte mesmo sendo o pior pais para ser cristão, a esperança permanece diz especialista em perseguição

Cristãos durante culto em uma igreja na coreia do norte
Cristãos durante culto em uma igreja na Coreia do Norte. Foto – Divulgação.

Por muitos anos, a Coreia do Norte é rotulada como o pior país do mundo para ser cristão. Campos de prisão, tortura, abortos forçados e outras atrocidades continuam a atormentar os cristãos do país e qualquer pessoa que ouse falar contra o regime de Kim.

Ainda assim, em uma entrevista recente com Suzanne Scholte, especialista em perseguição cristã, ela explicou que a esperança permanece. Um desertor que costumava trabalhar como líder de alto escalão no regime norte-coreano explicou que o Evangelho tinha o poder de quebrar o estrangulamento do controle na Coreia do Norte.

Portanto, estamos trabalhando ativamente para enviar o Evangelho por meio de programas de rádio cristãos diários. Dia após dia, recebemos relatos de esperança daqueles que são tocados pelo Evangelho pela primeira vez.

Se você segue a perseguição ou sabe alguma coisa sobre o mundo hoje, você já sabe sobre a Coreia do Norte. É o pior lugar da Terra para ser cristão. Agora mesmo, enquanto falamos, dezenas de milhares de cristãos estão na prisão e em campos de prisioneiros. Portanto, há cristãos que estão escondidos, mas dezenas de milhares nos campos de prisioneiros.

Existem diferentes níveis de campos de prisioneiros na Coreia do Norte, então se você é um cristão e está na prisão por causa disso, você está em um dos piores. E isso significa que é uma porta de mão única, então você entra e não sai. Você vai morrer lá.

E nesses lugares há tortura, mulheres fazem abortos forçados, os bebês, os bebês vivos nascem e são mortos. Isso continua e continua. Você simplesmente não pode imaginar como é este lugar.

Nunca vou me esquecer de um desertor que me sentei e entrevistei e ele me disse que tinha estado em um desses campos, e ele disse que, até hoje, tem que dormir com fones de ouvido e música alta e estridente só para evitar o demônios, por assim dizer. É a única maneira de ele conseguir dormir.

Em 2017, realizamos uma conferência na Igreja Saddleback focada apenas na Coreia do Norte, e tivemos Francis Chan lá e Rick Warren. E durante a conferência lemos uma carta. Era de um padre católico que estava preso e ia ser morto, o que realmente diz algo a vocês. Mostra quão longe o Senhor estava chegando na Coreia do Norte e quão longe a perseguição vai. Mas de qualquer maneira, ouça esta carta. Eu quero compartilhar isso com você.

Aqui está de Andrew Kim Taegon. Ele estava na prisão. Ele ia ser morto. “Meus queridos irmãos e irmãs, saibam disso, nosso Senhor, Jesus Cristo, deu à luz a Igreja por meio de sua própria dor. Agora, 60 anos desde que a Igreja entrou na Coreia, os fiéis sofrem perseguição novamente, e muitos de nossos amigos, incluindo eu, foram jogados na prisão.

No entanto, como diz a Escritura, Deus se importa com o menor fio de cabelo de nossas cabeças e, portanto, como a perseguição pode ser considerada outra coisa senão o comando de Deus ou Seu prêmio? ” Você ouviu isso? O comando de Deus ou Seu prêmio.

“Somos 20 aqui e ainda estamos bem, mas se algum de nós for morto, imploro que não esqueça a família dele. Tenho muito mais coisas a dizer, mas como posso expressá-las com caneta e papel? Já que estamos perto do fim da luta, eu oro para que você ande na fé para que quando você finalmente tiver entrado no céu, possamos nos cumprimentar. Deixo-vos com o meu beijo de amor. ”

Aqui, eu não sei sobre você, mas simplesmente não consigo esquecer os crentes na Coreia do Norte. Eles meio que me assombram. E uma das coisas que fazemos é pagar para que o Evangelho seja transmitido para a Coreia do Norte. Isso foi gravado dentro do Norte, então mandamos pelo rádio. Isso foi gravado dentro da Coreia do Norte e contrabandeado para fora.

Assista transcrição dessa matéria, está em inglês mas é repleta de imagens chocantes.

(Créditos: International Christian Concern)

Seguir o Amigo De Cristo no Google Notícias

Deixar cometário no Facebook: