Três cristãos são mortos em ataque do Boko Haram, no Camarões

Vilarejo cristão é atacado pelo Boko Haram no Camarões, três pessoas são mortas e outra sequestrada.

Extremo Norte dos Camarões, uma das duas aldeias atacadas por Boko Haram

Pelo menos três cristãos foram mortos e outro sequestrado em um ataque de militantes do Boko Haram no vilarejo cristão de Gabass em Camarões, no estado de Koza uma região do Extremo Norte do país.

Os militantes do Boko Haram fortemente armados, atacaram a comunidade enquanto os moradores dormiam, nas primeiras horas de 26 de novembro. As forças de segurança estão conduzindo uma busca pelo morador sequestrado e pelos perpetradores.

Em um ataque separado na mesma noite no vilarejo de Guidi em Kolofata, também no Extremo Norte, militantes do Boko Haram atearam fogo em cinco casas. As informações, são da Barnabas Fund.

Em outubro, as autoridades no Extremo Norte dos Camarões tiveram que fechar mais de 60 escolas ao longo da fronteira norte com a Nigéria para proteger crianças e professores contra repetidos ataques do Boko Haram, principalmente por mulheres e crianças usadas como homens-bomba.

A maioria dos muçulmanos de Camarões, compreendendo cerca de 20% da população, vive na região do Extremo Norte deste país predominantemente cristão. No Extremo Norte, as comunidades rurais cristãs são frequentemente sujeitas à violência do Boko Haram.

Relatos de testemunhas oculares de ataques descrevem militantes fortemente armados cercando vilas cristãs, gritando durante a noite enquanto matam, saqueiam e queimam.

O Boko Haram declarou que seu objetivo é estabelecer um califado islâmico que se estende desde sua base no nordeste da Nigéria.