Quatro cristãos são presos por produzirem Bíblias em áudio na China

Quatro cristãos são presos por produzirem Bíblias em áudio na China
A empresa Life Tree Culture, atua na produção e distribuição de materiais cristãos, na China

No mês passado, uma empresa em Shenzhen, no sudeste da China, foi invadida e quatro cristãos foram presos por produzirem Bíblias em áudio eletrônicas. Os diretores da Life Tree Culture  foram detidos sob a acusação de “operações comerciais ilegais”.

A empresa Shenzhen Tree of Life Cultural Communication, LTD. tinha quatro funcionários que foram presos em 2 de julho, como parte da repressão e perseguição da China à produção e distribuição de materiais cristãos. De acordo com a revista italiana de vigilância e perseguição na China, Bitter Winter.

Os quatro cristãos presos foram Fu Xuanjuan, Deng Tianyong, Han Li e Feng Qunhao. A informação sobre a prisão deles só agora está sendo divulgada porque a polícia ameaçou a família dos quatro cristãos, para impedir que revelassem qualquer informação sobre o caso.

A Companhia de Comunicações Tree of Life Cultural, de Shenzhen foi fundada em abril de 2011 e nunca tentou esconder seu desejo de fazer Bíblias em áudio para o mercado.

No registro de informações da empresa Tree of Life Cultural, está escrito abertamente sua declaração de missão: “Desenvolver terminais digitais multimídia avançados e produtos de tecnologia de comunicação com direitos de propriedade intelectual independentes”.

Contando com a cadeia madura  industrial de Shenzhen, no campo da alta tecnologia digital e atendendo à demanda global, trabalhamos para enriquecer a vida cultural das pessoas e contribuir para o valor do câmbio por meio da exportação.

Estamos comprometidos com a disseminação da cultura bíblica, podemos fornecer conteúdo adequado de acordo com as necessidades de nossas clientes. Além de Bíblias eletrônicas, a empresa também disponibiliza nos formatos digitais, hinos ou sermões clássicos.

Atualmente, estabelecemos bons relacionamentos com muitas igrejas e livrarias influentes, instituições e agentes em casa e no estrangeiro. Disse a empresa.

Esta empresa tem operado aberta e legalmente por nove anos, mas este ano a China está aumentando significativamente a perseguição à atividade cristã – tanto legal quanto não legal.

Os quatro cristãos estão detidos na Casa de Detenção Jiuwei, em Shenzhen. Seus familiares e advogados estão proibidos de revelar qualquer informação sobre o caso.

As Bíblias são uma grande necessidade na China, e por isso que a BTJ produz e distribui entre 100.000-1.000.000 Bíblias por ano.