Centenas de recrutas da polícia entregam suas vidas a Jesus, na Uganda

A presença de Deus era notavelmente evidente, disse o pastor Kasigwa

Centenas de recrutas da polícia entregam suas vidas a Jesus, na Uganda
Recrutas da Polícia na Uganda, aceitam Jesus durante pregação do pastor Samuel Kasigwa (Foto: Reprodução/ UGN)

Um pastor teve a oportunidade de pregar o evangelho da salvação com mais de 4.809 recrutas da polícia na Escola de Treinamento da Polícia-Kabalye no Distrito de Masindi, na Uganda, antes de se formarem na última sexta-feira.

O pastor Samuel Kasigwa diz que centenas entregaram suas vidas a Jesus, o confessando como seu único Senhor e salvador pessoal na ocasião do evento. De acordo com o pastor Kasigwa, a presença de Deus era notavelmente evidente, afirmou.

“O Senhor abriu para mim uma porta para compartilhar a palavra de Deus com todos eles. Centenas aceitaram a Cristo. Obrigado por todas as suas orações e apoio. Obrigado, Jesus ”, disse o pastor Samuel Kasigwa.

O pastor Kasigwa explicou em um comunicado ao Uganda Christian News que ele enfatizou questões de integridade, honestidade, fidelidade. Além de ter pregado sobre a submissão, economia, evitando relacionamentos sexuais múltiplos e acima de tudo vida eterna.

“A vida desses rapazes e moças nunca mais será a mesma”, afirma o comunicado. “A presença de Deus era notavelmente evidente.”

Recrutas da polícia confessam Jesus na Uganda
Recrutas da polícia confessam Jesus na Uganda (Foto: Reprodução/ UGN)

De acordo com o Comandante da Escola de Treinamento de Polícia-Kibalye ACP Ziwedde Abubaker, 485 treinaram como inspetores assistentes de polícia, enquanto 4324 treinaram como policiais.

ACP Ziwedde disse que também treinou profissionais em TIC, Forense, Medicina e IOV com o objetivo de os familiarizar com as competências. Além de treinamento sobre conhecimentos básicos para o policiamento geral, comando e gestão.