“Um milagre de Deus”, diz mãe de menino curado do câncer em Manaus

“Um milagre de Deus”, diz mãe de menino curado do câncer em Manaus
Brener Lorenzo, de 4 anos, toca o sino da cura após dois anos e meio de tratamento. (Foto: Governo do Amazonas)

Nessa quarta-feira (15) a mãe do Brener Lorenzo um menino de 4 anos, após dois anos de tratamento do câncer comemorou a cura do filho, na Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam), em Manaus.

O menino da cidade de Anori no interior do (AM), foi diagnosticado em 2017 com Leucemia Linfoblástica Aguda (LLA) e imediatamente iniciou seu tratamento. Segundo a Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas, o diagnóstico precoce aumenta as chances de cura em até 85%.

Segundo Eliane Silva de Oliveira, mãe de Brenno, o filho chegou a unidade hospitalar com 1 ano e 5 meses. Ela conta que foi muito bem atendida e agradece o acompanhamento da médica e dos demais profissionais do Hemoam.

A mãe informou que Brenno além do tratamento de Câncer, ainda enfrentou outra luta, pois também foi diagnosticado com Covid-19, quando o menino permaneceu em isolamento.

“É um sentimento de milagre. Um milagre de Deus. Eu agradeço hoje aqui onde um dia eu jurei que se meu filho fosse curado eu daria meu testemunho aqui nesse salão. Algumas crianças não chegam na fase de manutenção do tratamento.

O tratamento não teve intercorrência, mesmo fazendo quimioterapia ele corria, brincava e nunca ficou debilitado, relembra a mãe.

O pequeno Brenno esbanjou muita saúde e comunicação com a imprensa. Chegando até mesmo a cantar o louvor “Alegria está no coração”, emocionando a família e todos os presentes no local.

“O que mais me emociona é ter ele aqui ao meu lado. Eu passei 40 dias aqui. Muitas vezes ajoelhei no leito. Quando a imunidade caía, eu clamava pela vida dele. Mas hoje ele está aqui, você têm que confiar e acreditar em Deus”, conta a mãe de Brenno.

Segundo a Dr. Socorro Sampaio graças a todo o esforço da instituição no mesmo dia em que Brenno chegou a instituição, teve o diagnóstico confirmado e no dia seguinte 16 de junho de 2017, iniciou seu tratamento e rotina programada.

No Hemoam, ele tocou o “sino da cura”, como símbolo da vitória contra o câncer. “Hoje graças ao projeto que foi iniciado no interior do estado, onde Brenno foi o primeiro paciente diagnosticado no interior. Ficamos muito felizes por poder contribuir com esse diagnóstico precoce, com essa vitória”, conta a médica.

O sino simboliza o fim do tratamento contra o câncer, a “manutenção” é a fase que médico acompanha para ter certza de que a doença não voltou, após o desaparecimento do câncer. Essa manutenção é realizada trimestralmente.

O garoto foi atendido pelo Programa de Ampliação do Diagnóstico Precoce das Leucemias, para o interior do Amazonas, desenvolvido pela Hemoam. O programa capacita profissionais para diagnosticar precocemente o câncer no sangue e, com isso, aumentar as chances de cura dos pacientes. Desde 2017, a iniciativa já capacitou 81 profissionais de 37 cidades do interior do estado.

Desde que a ampliação do programa de diagnóstico teve início, houve um aumento de pelo menos 25% na demanda de pacientes com doenças do sangue oriundos do interior. Antes disso, 80% das crianças e adultos que vinham se tratar no Hemoam eram provenientes da zona urbana de Manaus ou da Região Metropolitana.

O programa tem apoio do o Instituto Ronald McDonald, por meio do Grupo de Apoio à Criança com Câncer do Amazonas (GAAC).