Policiais convence mulher desistir do suicídio após oração, em Rio Branco

Após oração de policias militares jovem desiste de pular de ponte em Rio Branco

Policiais convence mulher desistir do suicídio após oração, em Rio Branco
Oração de policiais impede mulher de cometer suicídio em ponte de Rio Branco. (Foto: Reprodução)

Na última sexta-feira (17), após muito diálogo e oração, policiais militares convenceram uma mulher de 26 anos, desistir de cometer o suicídio em uma ponte localizada na Via Verde, em Rio Branco, no Acre.

Foram mais de 40 minutos de conversa com a jovem, entre o meio-dia e 13 horas. A ação envolveu o Corpo de Bombeiros, policiais militares e socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

“Pela altura considerável, sem a previsão de cair na água, seria um óbito certo”, disse o porta-voz dos bombeiros, Major Cláudio Falcão, segundo o jornal Acre 24 horas.

Durante a conversa, os militares encontraram a oportunidade de falar de Deus e oraram pela jovem. “Após a oração, um bombeiro conseguiu alcançar o braço dela e o segundo bombeiro conseguiu fazer a intervenção direta, impedindo que essa jovem se jogasse”, relata o Major.

O Acre tem sofrido um aumento considerável nas estatísticas de suicídio, segundo o Corpo de Bombeiros. Eles informaram ainda que a mulher foi motivada a tirar a vida devido a problemas de cunho amoroso.

No início do ano, uma oração de um pastor também impediu o suicídio de uma mulher na Ponte Rio Negro, no Amazonas. O pastor Ronaldo Oliveira estava passando pelo local e, ao ver a cena, parou o carro.

Ao se aproximar, o pastor pediu para fazer uma oração, os policiais permitiram sua passagem e após a oração a moça desistiu de tirar sua vida.

“Bem na hora, quando parei o carro meu irmão saiu para ver o que era. Vimos a cena. Pedi permissão dos policiais para fazer uma oração. Eles prontamente permitiram, dizendo toda ajuda é bem-vinda. Foi então que dei uma palavra a ela e fiz uma oração”, contou o pastor na ocasião.