Mais de 200 pessoas entregam suas vidas a Cristo em vila na África

Siga o Amigo de Cristo no - Google Notícias
Mais de 200 pessoas entregam suas vidas a Cristo em vila na África
O cristão Jonas durante distribuição de alimentos no Quênia. (Foto: Reprodução/ The Timothy Initiative)

Um evangelista plantador de igrejas da organização cristã The Timothy Initiative no Quênia, conduziu mais de duzentas pessoas a Jesus Cristo, durante a “pandemia” em sua aldeia na África.

Quando seu país fechou devido ao Covid-19, Jonas presenciou o caos que a situação causou em sua comunidade. As pessoas perderam seus empregos e renda. A destruição de preços e a escassez de alimentos fizeram com que as famílias lutassem pela sobrevivência.

A situação desesperadora da comunidade fez com que Jonas usasse sua própria renda para comprar comida para compartilhar com os necessitados. Além da dificuldades, Jonas viu que as pessoas necessitavam de ajuda e também que precisavam de Jesus.

Outros cristãos foram inspirados por sua generosidade e doaram alimentos, que foram distribuídos às famílias mais vulneráveis ​​de sua comunidade.

Três outros plantadores de igrejas se juntaram aos esforços e, ao mostrar e compartilhar o amor de Jesus, os resultados foram surpreendentes: 863 pessoas ouviram a mensagem do Evangelho e 211 pessoas se entregaram a Cristo.

Entre eles estava um muçulmano chamado Aasir. Ele perdeu o emprego devido ao Covid-19, deixando o homem e sua família desabrigados. Jonas levou todos a Cristo.

No entanto, o muçulmano Aasir viu como era andar em um relacionamento com Jesus, dia após dia, e decidiu entregar sua vida a Cristo.