Cristãos mexicanos vão às ruas para orar pela cura do país

A ‘Marcha da Glória’ no México contou com milhares de pessoas usando máscaras, luvas e respeitando as normas de distanciamento.

Siga o Amigo de Cristo no - Google Notícias
Cristãos mexicanos vão às ruas para orar pela cura do país
Cristãos oram de joelhos nas ruas do centro da Cidade do México, capital do país. (Foto: Marcha de Gloria)

Milhares de cristãos mexicanos saíram às ruas do centro da Cidade do México para orar pela cura de seu país, em meio à pandemia de Covid-19 que tem assolado o mundo. A ‘Marcha da Glória’ no México contou com milhares de pessoas usando máscaras, e respeitando as normas de distanciamento.

O movimento chamado “Marcha de Gloria” ou March of Glory começou em 1996. Mercedes Mendez recebeu uma visão do Senhor de Seu grande derramamento e glória por sua nação, no México. Desde então, eles se reunem e marchavam nas ruas anualmente.

De acordo com a página do Facebook, “é uma arma espiritual nas mãos do Rei dos Reis para destruir os poderes do diabo e proclamar a mensagem da salvação.” E eles fazem isso como um ato profético para possuir a herança que Deus preparou para eles.

Marcha de Gloria

Mas este ano, a Marcha de Gloria observou sua celebração anual com medidas de precaução contra a atual crise mundial da saúde. Os participantes usavam máscaras e respeitavam a distância social entre eles.

A pandemia não impediu os cristãos mexicanos de levarem a mensagem do evangelho, e se reunir em oração pelas ruas. No entanto, em vez de realizarem um único evento grandioso, eles decidiram fazer muitas marchas de glória.

Los avivamientos se alcanzan de rodillas. Clamamos por nuestro México este día y sabemos que Dios hará.

Posted by Marcha de Gloria on Sunday, June 28, 2020

O pastor Carlos Quiroa, um dos organizadores, disse: “Precisamos manter distância, vamos calcular 1,50 metro entre nós, porque temos que dar exemplo, precisamos dar um bom testemunho. A responsabilidade de que, se houver ou não mais pessoas doentes, seremos a sociedade.

A verdade é que para um governo controlar uma questão dessa natureza é impossível. Cada um de nós tem que ser responsável pela distância. Acrescentou, Quiroa.

“Então, estou acreditando que, em vez de fazer uma Marcha da Glória, faremos muitas marchas de glória. Mas, nesta semana, precisamos desenvolver em nossas vidas que mantemos uma distância saudável e que aprendemos a nos comportar nesse tipo de evento”. Declarou.

Reivindicando a Palavra encontrada em Crônicas 7:14, eles oraram: “Neste momento precisamos de Ti, não precisamos de uma resposta de mais ninguém, mas de Jesus Cristo. Nos humilhamos diante de ti, curamos esta terra, trazemos perdão a esta terra, trazemos liberdade a esta terra.”