Famílias cristãs são libertadas do trabalho escravo no Paquistão

Mais de 1.000 famílias cristãs foram libertadas do trabalho escravo nos fornos de tijolos

Famílias cristãs são libertadas do trabalho escravo no Paquistão
O cristão James Iqbal com o filho Aftab e a filha Aneela, foram libertados do trabalho escravo no Paquistão (Foto: Reprodução/Barnabas Fund)

As famílias cristãs libertadas do jugo do trabalho escravo nos fornos de tijolos do Paquistão por causa da generosidade dos apoiadores do Fundo Barnabas estão, por sua vez, libertando seus irmãos e irmãs do mesmo fardo da dívida!

As 1.001 famílias cujas vidas foram transformadas desde que a organização cristã, Barnabas Fund, entrou em cena para ajudar em 2017 deram dinheiro suficiente para libertar outras 86 famílias apanhadas pelo atoleiro de dívidas.

Muitas das famílias liberadas reservaram com alegria uma pequena parte de seus salários, baixos como são, para doar para um “fundo de empréstimo rotativo”, usado para pagar as dívidas de outros trabalhadores cristãos ligados. Por estarem desesperadamente pobres, desamparadas e dependentes por tanto tempo, as famílias libertas ficam emocionadas por poderem ajudar outros crentes.

O viúvo e pai de dois filhos, James Iqbal, que foi libertado na Fase 1 do projeto, em 2017, disse que “pagaria alegremente minha quantia pelo fundo rotativo. É minha maior prioridade dar uma mão nesta nobre causa, ajudando meus outros irmãos e irmãs. Nunca imaginamos que poderíamos ser livres. Disse.

Logo após o pagamento da dívida, suas duas prioridades, depois de serem libertadas, foram enviar as crianças para a escola pela primeira vez em suas vidas, e doar ao fundo rotativo para libertar outras famílias cristãs.

Suas contribuições e as de outras famílias libertadas, reunidas, são o que libertou as outras 86 famílias cristãs extras.

O cristão Khadim Ashraf, sua esposa Naseem e seus filhos Faisal, 12 e Aman, de um ano. Faisal está estudando em uma escola apoiada por Barnabas
O cristão Khadim Ashraf, sua esposa Naseem e seus filhos Faisal, 12 e Aman, de um ano. Faisal está estudando em uma escola apoiada por Barnabas (Foto: Reprodução/Barnabas Fund)

“A contribuição dos meus irmãos trabalhadores é maravilhosa”

Pai de dois filhos, que trabalha duro, Khadim Ashraf é recém-libertado pelo pagamento de sua dívida de 49.300 rúpias paquistanesas US$315. Muito feliz, ele disse: “A contribuição de meus irmãos, que também são trabalhadores de fornos de tijolos, é maravilhosa e farei o possível para fazer o mesmo que meus irmãos”.

Os trabalhadores das fábricas de tijolos são mal pagos e as famílias vivem no nível de sobrevivência. Se alguém adoece, ou ocorre outra crise familiar, ele precisa tomar um empréstimo de seu empregador, o proprietário do forno de tijolos.

Os juros do empréstimo são então deduzidos de seus salários semanais e isso pode durar anos, até gerações. As famílias são forçadas a viverem com salários reduzidos, enquanto a dívida permanecer, ficam ligadas ao forno de tijolos, incapazes de conseguir outro emprego. É quase como escravidão.

Famílias libertadas para “gozar uma vida independente e sem empréstimos”

Aos 58 anos, Younas Aziz ainda está trabalhando duro para sustentar sua esposa e três filhos em um forno de tijolos. Ele disse que vive sob a “maldição” de uma dívida de 59.350 rúpias paquistanesas (380 dólares americanos) por “muito tempo”.

Ele acrescentou: “Às vezes, minha maldição aumentou e às vezes diminuiu, mas eu não consegui me livrar completamente dela. Mas, graças ao Barnabas Fund, que tomou essa iniciativa do fundo de empréstimo rotativo voluntário, meus outros irmãos pagaram nosso empréstimo.”

Younas e Fazilat Aziz com seu filho Yamhama, e as filhas Sagita, 13, e Nighat, 11.
Younas e Fazilat Aziz com seu filho Yamhama, e as filhas Sagita, 13, e Nighat, 11 (Foto: Reprodução/Barnabas Fund)

Younas disse que ele e sua esposa Fazilat, 39, agora estão contribuindo para o fundo de empréstimos rotativos para garantir que outras famílias cristãs possam “desfrutar de uma vida independente e sem empréstimos”.

O filho mais velho, Yamhama, 17 anos, escolheu se juntar ao pai no forno de tijolos, seguro de que ele não será mais responsável pelas dívidas do pai.

O Barnabas Fund ajuda as famílias libertas a manter o orçamento familiar, fornecendo lições sobre gerenciamento financeiro. Também apoiam mais de 30 escolas primárias, cinco aulas de alfabetização de adultos e um centro de costura, todos para famílias cristãs de fornos de tijolos.

Os partidários do Barnabas Fund libertaram mais de 1.001 famílias cristãs pagando suas dívidas. Com as 86 famílias liberadas pelas doações das 1.001 famílias, isso faz com que 1.087 famílias sejam libertadas. Mas milhares ainda estão lutando em trabalho escravo.