Diretora ouve a voz de Deus, e doa rim para pai de alunos

Mesmo após ter relutado à ideia, obedeceu ao chamado de Deus.

Uma diretora em Arlington, Texas nos Estados Unidos, seguiu sua fé depois que Deus a chamou para doar um rim para o pai de três de seus alunos, mesmo após ter relutado à ideia, obedeceu ao chamado de Deus.

Sarah Schecter, diretora da escola de ensino médioThe Oakridge School, ensina seus alunos sobre bondade e caráter, então ela modelou sua própria mensagem, segundo informou o The Dallas Morning News.

A diretora Schecter, descobriu que Nate Jones precisava de um novo rim em 2018. A esposa de Jones, Amenze, contou para ela que seu marido começou a ter problemas de visão e poderia ter problemas mais sérios após ser diagnosticado com insuficiência renal.

“Pareceu realmente sombrio”, disse Schecter. “Eu realmente não o conhecia; eu não o vi tanto quanto a ela, mas achei estranho que a insuficiência renal surgisse em alguém tão rápido.”

+ Mulher doa rim ao ex-marido para as filhas não perder o pai

O pai de 46 anos foi confrontado com a realidade de precisar fazer diálise pelo resto da vida ou receber um transplante de rim.

Depois de conhecer sobre a condição de Jones, Schecter disse que sentiu Deus chamando-a para ajudá-lo, apesar de tentar se convencer disso.

“Sei que isso parece estranho, porque não sou o tipo de pessoa que ouve a voz de Deus, mas me senti chamada a lhe dar meu rim”. Eu não queria; não estava na minha lista de coisas para fazer. Então, fiquei pensando que alguém lhe daria um rim e que tudo daria certo. Mas eu era a pessoa que faria isso”. Disse ela.

Schecter, 57 anos, conversou com sua família sobre o procedimento, “secretamente esperando” que eles a convencessem a desistir, mas na verdade eles a encorajaram. Seu rim acabou por ser uma partida.

“De certa forma, por que eu não estaria – já que Deus colocou no meu coração, por que não seria a combinação perfeita então?” Schecter disse. “Mas havia uma parte de mim que esperava que não fosse uma partida, para que eu pudesse receber crédito por fazer algo de bom, mas na verdade não tenho que continuar com isso”.

Em novembro de 2019, Schecter descobriu que era uma doadora compatível, então a cirurgia estava marcada para janeiro.

Schecter disse que começou a se sentir ansiosa com a operação até que os membros da igreja começaram a orar por ela, aliviando sua ansiedade e enchendo seu coração com o Salmo 118: 24:

Este é o dia que o Senhor fez; vamos nos alegrar e ser felizes com isso.

O procedimento de três horas foi um sucesso para o doador e o destinatário. Jones e Schecter se reuniram após a cirurgia, compartilhando um abraço emocional e palavras de encorajamento.

“Deus abençoe. Deus abençoe. Deus abençoe”, disse Jones. “Eu nunca pensei que esse dia chegaria.”

“Há algo ousado para você fazer. Deus vai dar a você”, ela disse para ele. “Você tem um bom rim agora. Vá em frente e faça o que você precisa fazer.”

Schecter admite que estava com medo e questionou o que Deus a estava chamando para fazer.

“A verdade é que sou uma pessoa normal. Ouvi Deus uma vez e segui adiante. Gostaria de ter ouvido mais a Deus”, acrescentou. “Quem sabe que aventuras emocionantes eu teria tomado se tivesse ouvido mais.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui