Convenção das Assembleias de Deus lamenta suicídio de pastor no MA

O pastor segundo à família, sofria de depressão e decidiu cometer o suicídio após perder a luta contra a doença.

Convenção Geral das Assembleias de Deus lamenta suicídio de pastor no MA
Convenção Geral das Assembleias de Deus lamenta suicídio de pastor no MA

A Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB), emitiu nota lamentando o suicídio do pastor, José de Arimateia Sousa, neste domingo 05, que foi encontrado morto pela esposa na garagem de sua casa no (MA).

O pastor José de Arimateia Sousa, cometeu suicídio se enforcando na garagem de sua casa na cidade de Santa Inês no Maranhão. Arimateia era ministro auxiliar da Assembleia de Deus, presidida pelo pastor Rayfran Batista, ligada à Ceadema.

O pastor segundo à família, sofria de depressão e decidiu cometer o suicídio após perder a luta contra a doença. O pastor deixa esposa e um casal de filhos.

Segue a nota de pesar por esta triste fatalidade:

A Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil CGADB, na pessoa de seu presidente, pastor José Wellington Costa Júnior, manifesta profundo sentimento pelo falecimento do pastor, José de Arimateia Sousa.

Neste momento de dor e separação a mesa diretora da CGADB se solidariza com familiares e amigos, que o Espírito Santo de Deus vos console e conforte.

A nota segue com um versículo para meditação:

“Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e o Deus de toda a consolação;
Que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados por Deus.” (2 Coríntios 1:3,4)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui