Cristãos do Sri Lanka recebe prêmio por projeto de liberdade religiosa

Cristãos do Sri Lanka recebe prêmio por projeto de liberdade religiosa
Cristãos do Sri Lanka recebe prêmio por projeto de liberdade religiosa

Um grupo de cristãos do Sri Lanka, receberam o prestigiado Prêmio de Inovação Intercultural ‘MinorMatters’, sobre liberdade religiosa concedido pela Aliança das Civilizações das Nações Unidas (UNAOC) e pelo BMW Group.

Após um processo de seleção altamente competitivo, com mais de 1.200 aplicativos de 128 países, os cristãos juntamente com outras nove iniciativas globais de base, foram nomeado finalista durante uma cerimônia realizada na semana passada no Teatro Real de Madri, na Espanha. Alcançou o quarto lugar.

A cerimônia de premiação foi presidida pelo Alto Representante da UNAOC e pelo ex-Ministro das Relações Exteriores da Espanha, Miguel Ángel Moratinos, acompanhado pelo executivo e Vice-Presidente de Comunicação de Mercado do BMW Group, Bill McAndrews.

Além de um subsídio financeiro, o prêmio vem com um apoio de capacitação e orientação da UNAOC e do BMW Group, para os projetos a expandir e replicar para outros contextos.

O prêmio é uma plataforma baseada na Web com recursos para equipar e capacitar todos os cidadãos, especialmente jovens, para promover a liberdade religiosa e a coexistência no Sri Lanka.

Seu objetivo é construir uma sociedade em que a liberdade religiosa seja desfrutada ao máximo por todas as pessoas e se concentrar na proteção dos direitos e liberdades das minorias religiosas no Sri Lanka, destacando violações e documentando ataques a grupos e locais religiosos.

O projeto foi lançado pelo Alliance Development Trust, que pertence à Aliança Evangélica Cristã Nacional do Sri Lanka (NCEASL), um órgão nacional membro da Aliança Evangélica Mundial.

A Alliance Development Trust, recebe o prêmio após o Sri Lanka sofrer um ataque terrorista na Páscoa nesse ano, em um hotel e em três igrejas, que matou mais de duzentas pessoas. O projeto busca promover a liberdade religiosa e a coexistência na nação, de acordo com informações do Portal Evangelical Focus.

A diretora do projeto, Yamini Ravindran, advogada que trabalhou com a NCEASL na área de defesa da liberdade religiosa, disse: “Estamos honrados em receber esse reconhecimento. É um incentivo para continuar nosso trabalho na promoção da liberdade religiosa”, ela também foi eleita há poucos dias como membro do Conselho Internacional da WEA.

O Secretário-Geral e CEO da WEA, Bispo Efraim Tendero, parabenizou a equipe MinorMatters, afirmando que: “é um reconhecimento merecido do trabalho árduo que foi colocado neste projeto por um grupo de jovens líderes que amam e se preocupam profundamente com seus interesses.” Disse ele.