Noiva cadeirante surpreende em entrar andando no casamento

A britânica Emma Kitson treinava diariamente para fazer a surpresa

Noiva cadeirante surpreende em entrar andando no casamento
Noiva cadeirante surpreende em entrar andando no casamento. (SWNS)

Uma jovem veterana britânica, que é cadeirante nos últimos sete anos, surpreende a todos inclusive o futuro marido no dia do casamento, ao entrar andando na igreja, mesmo que com ajuda do pai e de seu filho.

Emma Kitson, 35, de West Yorks, na Inglaterra, ingressou no exército na Artilharia Real Britânica, aos 18 anos e foi enviada ao Iraque em 2003.

Enquanto estava em serviço militar no exército, ela afirma que carregava cartuchos de 30 quilos para tanques nas costas, na tentativa de “acompanhar os rapazes”, disse Kitson à agência de notícias britânica SWNS.

Mas com o tempo, o peso pesado se tornou demais para suportar, porque estava afetando adversamente sua coluna. Aos 21 anos, ela deixou o exército por causa de fortes dores nas costas.

Mais tarde, ela foi operada para reparar sua coluna. Mas quando ela seguiu o procedimento, não conseguiu sentir a perna esquerda. “Eu não estava preparada para o que aconteceria”, disse Kitson.

Embora ela não esteja paralisada, a dor na perna a impediu de andar, forçando-a a usar uma cadeira de rodas. Mas antes do dia do casamento, em agosto, a mãe de três filhos estava determinada a ir até o seu então noivo, Christopher Kitson, 38.

“Se eu estiver em uma cadeira de rodas pelo resto da vida, não me importo, porque posso dizer que caminhei até Christopher, e depois caminhei com ele para fora da igreja”. Queria evitar minha cadeira de rodas o máximo de dia possível. Eu queria mostrar meu vestido o máximo que pude no meu dia especial . Disse ela sobre seu raciocínio.

Emma Kitson, conta que passou horas completando exercícios de treinamento de força para as pernas, para poder caminhar os quase 20 mts até o altar. Em 9 de agosto, com a ajuda de seu pai e filho, ela caminhou com sucesso até o marido.

Estou com dores constantes e com tantos analgésicos que eu chocaria se você me chamasse, mas continuo com minha vida e me divirto. Estou realmente feliz por ter terminado minha vida de solteira caminhando e iniciado minha vida de casada caminhando. Disse ela.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui