Atleta paralímpico agradece a Deus por ser recordista mundial

O plano de Deus pode ser muito diferente, tudo pode mudar amanhã, diz Daniel.

Atleta paralímpico agradece a Deus por ser recordista mundial
Atleta paralímpico agradece a Deus por ser recordista mundial (Foto: Reprodução/Daniel Romanchuk)

O jovem atleta paralímpico Daniel Romanchuk, além de recordista mundial, é grato a Deus por todas as suas conquistas, ele é o campeão mundial de maratona de cadeira de rodas masculina de 2019.

O jovem atleta campeão de cadeira de rodas masculina, da Abbott World Marathon Majors Series XII e um orgulhoso paraolímpico que representará os Estados Unidos nos Jogos Paraolímpicos em Tóquio, Japão, em 2020. Ele é atual recordista mundial nas distâncias de 800 e 5.000 metros.

O estudante de 21 anos, não se considera um famoso “atleta de elite”, ou estudante de engenharia” ou “paraolímpico” o que vem de seus lábios. Em vez disso, ele declara com firmeza: “Sou filho de Deus”. Diz o jovem da Stone Creek Church (AG) em Urbana, Illinois nos (EUA).

Quando Kim, a mãe jovem atleta descobriu que seu terceiro filho, Daniel, nasceria com mielomeningocele que é uma malformação congênita da coluna vertebral conta que foi uma revelação difícil de abraçar, ninguém sonha isso para o filho.

Ficamos em choque por alguns dias, diz Kim. “Mas então veio a compreensão e o verdadeiro conhecimento de que isso não era uma surpresa para Deus. Ele usará isso para o bem e que aquilo que vemos sem esperança, Deus sabe e Deus conseguiu – nós apenas tivemos que confiar verdadeiramente nisso e entregá-lo a Ele.”

Mas mesmo que exista uma liberdade quando um desafio é entregue a Deus, a vida não se torna repentinamente livre de desafios. Muitas semanas ao longo dos anos foram passadas no hospital, com Daniel algumas vezes sofrendo e as orações de seus pais se misturando com as lágrimas.

“Alguns dias eram mal”, Kim admite. “Vendo seu filho, a quem você ama tanto, sofrendo. E então você entende os sacrifícios que Deus fez – um vislumbre minúsculo do que Ele passou e você percebe que Ele conseguiu isso. A história de ninguém é a mesma, mas Deus tem uma razão e um plano para todos.” Lembra sua mãe.

Quando Daniel tinha dois anos, seus pais começaram a apresentá-lo ao esporte pelo Instituto Kennedy Krieger em Baltimore, incluindo basquete em cadeira de rodas e natação. O esporte parecia natural para ele, e ele explorava todos os tipos de atividades, desde tênis de mesa e arco e flecha a hóquei em trenó e esqui.

Kim, que é médica explica que, o filho ser educado em casa, cercado por famílias de apoio e principalmente ativo com outras famílias que estudam em casa e na igreja, Daniel não foi exposto a muitos preconceitos e preconceitos de outras pessoas.

Ele cresceu pensando em si mesmo à luz de ser filho de Deus, não alguém para ser rotulado, dispensado ou ignorado simplesmente porque estava em uma cadeira de rodas. Com o passar dos anos, ficou evidente que Daniel gostava de esportes em cadeira de rodas, mas seu verdadeiro talento estava na pista.

O pastor líder Ricky Spindler tem um grande respeito pela família, dizendo sobre Daniel: “Ele é um seguidor de Cristo muito comprometido, ele tem muitas qualidades admiráveis ​​em seu relacionamento com Deus – ele é o verdadeiro negócio. ”

“Mostrar às crianças com ou sem deficiência que há esperança, que você não precisa estar em conformidade com os rótulos deste mundo, é meu objetivo”, diz Daniel. “Quero mostrar a eles o que é possível – que haja esperança no que às vezes parece uma situação muito desesperadora”.

Sua humildade é sempre a primeira coisa que me impressiona, ele é incrivelmente gentil e generoso, você não saberia que ele acabou de vencer a Maratona de Boston ou estabelecer um recorde mundial. Ele não se promove de forma alguma. Ele é muito rápido em dar crédito a Deus por todo o seu sucesso. diz Spindler.

“A única coisa que aprendi na vida é não tentar fazer um plano em demasia ou se apegar muito a ele – o plano de Deus pode ser muito diferente, tudo pode mudar amanhã”, diz Daniel. “Então ore, confie em Deus, Ele tem um plano – Ele sabe onde tudo vai acabar – e confie que Seu plano é o melhor.” Conclui o jovem campeão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui