Milhares de cristãos fogem da Síria com o avanço da Turquia

Milhares de cristãos fogem da Síria com o avanço da Turquia
Milhares de cristãos fogem da Síria com o avanço da Turquia

Milhares de cristãos, curdos e yazidis estão fugindo de partes da Síria enquanto a violência continua com o avanço das forças da Turquia, no enfrentamento com Forças Democráticas da Síria.

Nesta semana, a Casa Branca anunciou que soldados americanos seriam retirados do norte da Síria. Junto com o anúncio, a Turquia transferiu suas forças para o norte da Síria, informa a CBN News.

O grupo Em Defesa dos Cristãos disse que estão “profundamente preocupados com as comunidades cristã e yazidi do nordeste da Síria, caso a República da Turquia se mude para a região.

“Existem mais de 40.000 cristãos no nordeste, o que representa uma queda drástica em relação aos 130.000 cristãos que viviam nesta área antes do impacto do ISIS e da crise síria”, afirmou o comunicado do grupo.

Um arcebispo católico em Ebril, no Iraque, disse anteriormente que retirar tropas dos EUA de qualquer área hostil levaria a mais violência contra os cristãos, informa a Agência de Notícias Católica .

“Estamos muito preocupados com a recente redução da presença dos EUA no Iraque”, disse o arcebispo.

“Tendo enfrentado o genocídio nas mãos do ISIS, nossas comunidades destruídas atraíram imensa esperança da promessa do compromisso americano com as comunidades das minorias iraquianas lideradas pelo vice-presidente”.

O arcebispo estava se referindo a uma promessa de 2017 do vice-presidente Mike Pence, que disse que os EUA protegeriam cristãos e minorias perseguidos.

“Os Estados Unidos trabalharão de mãos dadas a partir de hoje com grupos religiosos e organizações privadas para ajudar aqueles que são perseguidos por sua fé. Este é o momento, agora é a hora, e os Estados Unidos apoiarão essas pessoas em suas horas de necessidade ”, disse Pence.

Segundo a CBN News , soldados cristãos das Forças Democráticas da Síria foram às igrejas para orar e beijar a Bíblia antes de lutar.

o presidente Donald Trump, disse que a decisão de remover as tropas americanas não se trata de “abandonar” soldados curdos.

“Como já afirmei com firmeza antes, e apenas para reiterar, se a Turquia fizer algo que eu, em minha grande e inigualável sabedoria, considere estar fora dos limites, destruirei e obliterarei totalmente a Economia da Turquia, já fiz isso antes! ”, disse no Twitter.

1 COMENTÁRIO

  1. Situação desesperadora sofre o povo Cristão em regiões que o evangelho de Jesus não pode ser propagado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui