Damares Alves é homenageada com “Medalha Tiradentes” na Alerj

Alerj, reconheceu que a ministra é digna de receber a Medalha

Damares Alves é homenageada com “Medalha Tiradentes” na Alerj
Damares Alves é homenageada com “Medalha Tiradentes” na Alerj

A ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, foi homenageada hoje 30, com a Medalha Tiradentes, a maior honraria concedida pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj).

Segundo informações da Agência do Brasil, a Alerj, reconheceu que a ministra “é digna de receber a Medalha na medida em que ofereceu assistência a mulheres e crianças em situação de vulnerabilidade social e violência doméstica”.

Durante seu discurso, Damares agradeceu a homenagem e disse que gostaria de dividir a medalha com o presidente Jair Bolsonaro, e com a comunidade evangélica. “Divido essa Medalha com meu Capitão, um homem digno e justo que foi Deus quem colocou lá. Disse a ministra.

A ministra também desabafou sobre o alto índice de casos de violência, a nação “já é outra. Chega de violência contra a mulher. Chega de violência contra as crianças. É uma nação que não vai deixar ninguém para trás.”

Policiais militares do Rio, também foram condecorados com a medalha, um deles, o PM reformado André Rios, cuja autoria da homenagem foi do atual senador Flávio Bolsonaro, deputado estadual na época do pedido. André ficou paraplégico em uma tentativa de assalto em 2004.

Um coral e uma orquestra, formados por estudantes de escolas públicas do Rio de Janeiro, executaram músicas evangélicas, acompanhados em coro por todos presentes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui