Pastor conselheiro de saúde mental comete suicídio nos EUA

Pastor conselheiro de saúde mental comete suicídio nos EUA
Pastor conselheiro de saúde mental comete suicídio nos EUA

O jovem pastor, Jarrid Wilson, 30 anos, conselheiro de saúde mental na mega-igreja Harvest Christian Fellowship, comete suicídio, às vésperas do Dia Mundial da Prevenção ao Suicídio, em sua casa nos EUA.

Wilson era pastor associado da Harvest Christian Fellowship em Riverside, Califórnia, a igreja fundada em 1973 por Greg Laurie, que desempenhou um papel fundamental na própria experiência de Jarrid Wilson. Em uma publicação no Facebook, Laurie consternou-se com a morte do jovem pastor:

Jarrid juntou-se a nós como pastor associado na harvest há 18 meses e tinha falado muitas vezes sobre esta mesma questão da saúde mental.

Às vezes as pessoas podem pensar que como pastores ou líderes espirituais estamos de alguma forma acima das dores e lutas das pessoas do dia-A-dia. Somos nós que devemos ter todas as respostas. Mas nós não.

No final do dia, os pastores são apenas pessoas que precisam chegar a Deus pela sua ajuda e força, cada um e todos os dias. Ao longo dos anos, descobri que as pessoas falam sobre o que mais lutam.

Um momento sombrio na vida de um cristão não pode desfazer o que Cristo fez por nós na cruz. Romanos nos lembra que “nada pode nos separar do amor de Deus em Cristo Jesus” (Romanos 8:39).

Em momentos como este, temos de lembrar que, como cristãos, não vivemos de explicações, mas sim de promessas. Nós-nos sobre o que sabemos, não sobre o que não sabemos. Nós sabemos que jarid colocou a sua fé em Jesus Cristo e também sabemos que ele está no céu agora.

Nós-nos sobre a promessa de Apocalipse 21:4 que nos lembra que no céu não há mais tristeza, sofrimento, ou morte. escreveu o pastor Laurie.

+ Pastor evita suicídio de mulher desesperada em ponte de (SP)

Na noite de segunda-feira, Wilson, que lutou contra a idéia suicida e a depressão clínica em sua própria vida, postou um tweet no qual escreveu: “Amar Jesus nem sempre cura pensamentos suicidas”, e logo após postou outra mensagem alertando sobre o Dia Mundial da Prevenção ao Suicídio, e tristemente à noite o pastor comete suicídio.

Jarrid Wilson,  foi o fundador da oraganização (Anthem of Hope – Hino da Esperança), sem fins lucrativos tem como objetivo oferecer “esperança para aqueles que lutam contra quebrantamentos, depressão, ansiedade, auto-mutilação, vício e suicídio.”

Além de oferecer um recurso de bate-papo on-line, o Anthem of Hope oferece acesso a e-books gratuitos e disponíveis para download sobre saúde mental e pode ajudar a conectar pessoas a conselheiros qualificados baseados na fé em suas áreas.

O jovem pastor Wilson, que tinha apenas 30 anos, deixa para trás sua esposa, Juli, e seus dois filhos pequenos, Finch e Denham.

5 COMENTÁRIOS

  1. Acredito que na vida cristã tem o momento de se doar e o momento de se reservar para reabastecer. O próprio Jesus tinha seus momentos com a multidão, mas havia tbm a necessidade de se isolar para se reabastecer do sobrenatural do Pai. Acredito que hj embora fale-se que pastores não são super heróis, acabam em alguns momentos negligenciando a necessidade de se afastar da multidão para se cuidar em Deus.
    Sabemos que a luta espiritual é árdua. E não se pode dar o que não se tem, pelo menos momentaneamente.
    Lutar por pessoas com saúde mental debilitada quando a sua própria não está bem é exatamente isso. Tentar dar o que não está tendo, e acaba que em algum momento faltará para oferecer e para se manter.
    Creio que os cristãos devem reconhecer suas fraquezas e quando necessário se afastar da multidão. Ser só ele e Deus.

    Para Deus o ser é mais importante que o fazer.

  2. Rogerio Gualberto, ninguém pode ter a noção do que uma pessoa está sentindo para chegar a tal ponto. O suicídio é a prova da desconexão com a vida. Dor que vai além do que se explica.

  3. As vezes não dá vontade de comentar sobre o assunto mas, será que pessoas que tomam uma decisão dessa pensam que só eles têm problemas?
    Quando alguém comete suicídio não está resolvendo os seus problemas, como alguns pensam, pelo contrário, os familiares vão “herdar” esses problemas.

    • Olá, verdade, o que deixa trsite nesse caso do pastor Jerrid, é que ele próprio era uma pessoas que lutava nessa causa.

    • O sofrimento é tão grande que o pensamento suicida é de alívio imediato daquela dor. Eu sei exatamente como é desesperador! Só quem vive uma depressão sabe como é lutar diariamente pra continuar vivendo com uma dor insuportável,, como se fosse um túnel negro te sugando… Só Jesus pra ter misericórdia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui