Cristãos realiza culto na rua após igreja ser fechada pela policia

Os fiéis foram impedidos de adorar até em uma tenda ao lado do prédio

Cristãos realiza culto na rua após igreja ser fechada pela policia
Cristãos realiza culto na rua após igreja ser fechada pela policia

Cristãos no distrito de Indragiri Hilir, na ilha de Sumatra na Indonésia, foram obrigados realiza o culto dominical na rua após a igreja ser fechada pela polícia, no último domingo 25 de agosto.

Segundo informações do Barnabas Fund uma organização de ajuda à Igreja perseguida, a polícia do distrito de Indragiri Hilir, após terem fechado a igreja, os fiéis foram impedidos de adorar até em uma tenda ao lado do prédio, informou um contato da agência.

As autoridades locais pareciam mesmo determinadas em interromper a reunião dos cristãos, esses incidentes estão ocorrendo em muitos lugares na Indonésia, relatou o contato do Barnabas Fund, enquanto pedia oração pelo pastor e pela congregação.

+ Igreja protestante na Indonésia é demolida pelo governo

Os cristãos representam pelo menos 15% da população da Indonésia, que tem a maior população muçulmana de qualquer país do mundo. Com a maior população islâmica do mundo, as autoridades se veem obrigadas a atender aos desejos das entidades e líderes islâmicos.

Até uma geração atrás, muçulmanos e cristãos viviam pacificamente lado a lado como iguais, mas desde os anos 1980 o papel do Islã na vida pública aumentou dramaticamente.

A perseguição que os cristãos enfrentam é frequentemente por capricho das autoridades locais, cujas atitudes em relação a eles variam em toda a vasta nação, a evangelização e a conversão ao cristianismo é legalmente punível.

Algumas regiões que antes eram majoritariamente cristãs, hoje estão sendo gradualmente islamizadas, pois o governo “transmigrou” muçulmanos para viver nessas áreas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui