fbpx
Siga-Nos

Igreja

Mais de 330 cidades na Espanha não tem igreja evangélica

Publicado:

em

Mais de 330 cidades na Espanha não tem igreja evangélica

Mais de 330 cidades na Espanha não tem igreja evangélica

De acordo com um relatório da Organização cristã Decision, mais de 10 milhões de pessoas na Espanha vivem em cidades que não foram alcançadas pelo Evangelho, cerca de 331 cidades com mais de 5 mil habitantes, não tem igreja evangélica.

O relatório mostrou que dos 8.131 vilarejos da Espanha, 92% ainda não têm igrejas evangélicas. O desafio de chegar aos municípios entre 5.000 e 20.000 habitantes, longe das capitais, ainda se mantém e continua sendo uma das grandes deficiências da missão na Espanha ”, disse a Decision.

A Decision concluiu o relatório, traçando dados com as Federação de Entidades Religiosas Evangélicas da Espanha (Ferede) e da organização missionária Evangelism In Depth, chegando à conclusão de que há 10 milhões de pessoas na Espanha que vivem em lugares não alcançados pelo Evangelho.

Essas cidades estão na região rural do país e o movimento passivo da população para as regiões metropolitanas tem impacto nesses resultados.

A Espanha rural ficou vazia, com uma forte aceleração dos fluxos migratórios internos para as grandes cidades, de modo que regiões como Madri viram como as pequenas cidades multiplicaram sua população”, destaca o relatório.

Apesar do relatório apontar para o crescimento progressista que afeta as igrejas evangélica na Espanha, em 2018, foi registrado 4.238 novos locais de culto em todo o país, fechando o ano com um crescimento em média de 16 igrejas abertas a cada mês.

Uma parte importante do crescimento das igrejas evangélicas tem sido favorecida pela imigração, que representa mais de 68% dos membros em muitas congregações, como é o caso de Madri”.

Decision diz que “é uma nova força que está fortalecendo o desenvolvimento do movimento evangélico espanhol. No entanto, o grande desafio é continuar crescendo, especialmente entre a população nativa que ainda está profundamente enraizada na cultura do passado e que vive nas cidades que aparecem no relatório divulgado”. Os dados são do último relatório do Observatório do Pluralismo Religioso, da Decision.

Advertisement
Clique para comentar

Deixe uma resposta

Música Gopel

Advertisement

Facebook

Trending