Radicais hindus queimam mil Bíblias em protesto anti-cristão

Radicais na Índia queimam Bíblias em protesto contra os cristãos

Radicais hindus queimam mil Bíblias em protesto anti-cristão
Radicais hindus queimam mil Bíblias em protesto anti-cristão

Grupos radicais hindus queimam cerca de mil Bíblias na índia em protesto anti-cristão, diante da eleição histórica que acontece na Índia. A intolerância religiosa dos radicais hindus, tem despertado indignação nos líderes cristãos ao redor do mundo.

A Índia iniciou nesta quinta as eleições para o seu Congresso, o Lok Sabha. Cerca de 900 milhões de Mesmo com o ato de vilipêndio religioso, um pastor indiano, que não foi identificado, expressou a reação dos cristãos. “A perseguição é como uma benção para mim. Nem todo mundo tem esse privilégio, de sofrer pelo amor de Deus”, compartilha a organização International Christian Concern.

O presidente da International Christian Concern, Jeff King, lembrou que uma situação semelhante aconteceu na Índia no ano passado, quando as Bíblias de membros do Gideões Internacionais foram confiscadas e queimadas por radicais hindus.

“Esses extremistas reconheceram o poder da Bíblia, mas apesar de seus melhores esforços, eles não poderiam extinguir a difusão do Evangelho”, disse King.

“Satanás compreende que a Bíblia é o livro mais perigoso do mundo, porque a Bíblia é uma semente espiritual. Em todos os lugares que vai, a vida brota, e ele está determinado a destruí-la, uma semente de cada vez”, acrescentou. “Nossa resposta é simples: cada vez que o inimigo destruir uma Bíblia, vamos substituí-la”.

A Índia iniciou nesta quinta as eleições para o seu Congresso, o Lok Sabha. Cerca de 900 milhões de pessoas podem votar para eleger 543 membros do Congresso, em sete fases que irão durar mais de um mês.

O atual premiê, Narendra Modi, concorre à reeleição por seu partido nacionalista hindu Bharatiya Janata (BJP), que tem usado o nacionalismo para eliminar os supostos inimigos religiosos dos hindus.

Mais de 65 milhões de cristãos compõem a população da Índia e são uma parte importante da força social e de trabalho no país. De acordo com o levantamento da Portas Abertas, a Índia é o 10º país que mais persegue cristãos no mundo.

A crescente influência do intolerante radicalismo hindu gera enormes problemas para os cristãos, como a violência de grupos hindus radicais locais ou de aldeões instigados por hinduístas. As autoridades locais, estaduais e nacionais são muitas vezes dominadas pelo partido BJP; isso significa que os radicais hindus podem atuar com impunidade.

*Com informações Guiame

Deixe sua opinião, ela é importante para nós.

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome