Pastor Felipe Heiderich é absolvido de todas as acusações

Felipe Heiderich foi absolvido pela Justiça do Rio de Janeiro

Pastor Felipe Heiderich é absolvido de todas as acusações
Pastor Felipe Heiderich é absolvido de todas as acusações

O pastor Felipe Heiderich, que foi acusado pela ex-mulher a palestrante Bianca Toledo de abuso sexual do seu filho, foi absolvido de todas acusações. Na época Felipe foi preso e posto em liberdade até a conclusão do caso.

O pastor foi denunciado em 2016 pela cantora e palestrante Bianca Toledo de abusar sexualmente de seu filho, José Vittorio, que tinha 5 anos quando tudo aconteceu.

Nesta segunda-feira (8), o pastor por meio de suas redes sociais anunciou sua absolvição das acusões que pesava sobre ele, e comemorou o fato de sua inocência ter sido provada.

A sentença foi expedida pelo juiz Tiago Fernandes de Barros do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. Os advogados de Felipe compartilharam uma cópia do laudo, confirmando o pedido da defesa e do próprio Ministério Público.

À vista do exposto, julgo improcedente a pretensão punitiva para absolver o réu Felipe Garcia Heiderich Segundo, na forma do art. 386, VII, do Código de Processo Penal.

Devido o andamento do processo ter ocorrido em segredo de justiça, o advogado se limitou em divulgar na íntegra todas as informações, mas confirmou a setença expedida pelo juiz Tiago Fernandes de Barros.

“Infelizmente não podemos postar a sentença completa, por se tratar de processo com segredo de justiça. Mas confirmamos que atendendo a pedido da defesa e do próprio Ministério Público, Felipe G. Heiderich Segundo foi absolvido de todas as acusações”.

O desabafo

Depois de quase três anos de dor e de sofrimento, o Ministério Público pediu a minha absolvição e o juiz acaba de decretar que sou completamente inocente de tudo que me acusaram. Eu só quero abraçar a minha família e poder sair na rua de cabeça erguida dizendo que era tudo mentira e agora tenho como provar.

O outro lado

Bianca Toledo contestou a absolvição do ex-marido, e disse que tem orado para que ele se arrependa e pare de mentir.

A decisão de absolvição por falta de provas não comprova inocência e não muda em nada tudo que sofremos há três anos. A justiça no Brasil é falha, a de Deus não.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui