Jesus me curou, diz jovem indiana cristã curada de doença mental

A jovem cristã indiana Meeta foi curada por Jesus e hoje é professora na escola bíblica dominical

jovem cristã indiana curada por Jesus
jovem cristã indiana curada por Jesus

Meeta* é uma jovem indiana cristã de 21 anos, que foi curada de uma doença mental por Jesus quando tina 5 anos, e hoje trabalha como professora da escola bíblica dominical na igreja doméstica na casa dos pais, na Índia, algo que ama fazer, trabalhando com as crianças.

Quando ela nasceu, seus pais não eram cristãos. Sua mãe foi diagnosticada com uma séria doença mental, quando Meeta era ainda pequena, e foi enviada para um hospital psiquiátrico. Aos 5 anos, ela começou a apresentar a mesma doença da mãe e a escola não a aceitou por medo de que ela pudesse representar perigo para as outras crianças.

Nessa época, alguém falou para o pai de Meeta pedir oração para um pastor, então ele levou a esposa e filha para a igreja mais próxima.

Vja também:
Indiano se torna cristão após filho ser curado por Jesus

Para surpresa de todos, tanto Meeta quanto a mãe foram curadas após o período de oração. A família ficou muito feliz, reconhecendo o grande livramento e dando glória a Deus. Com lágrimas nos olhos, Meeta relembra:

Jesus me curou
“Apesar de ser muito pequena, eu lembro do sentimento horrível que tinha quando estava doente, mas Jesus me curou. Ele deu a sua vida por todos nós. Estou viva e bem hoje por causa dele”.

Os vizinhos começaram a ir à casa de Meeta para ver o milagre com os próprios olhos e pedir oração também. Os pais de Meeta oravam no nome de Jesus por todos que vinham e muitos foram curados, então as pessoas começaram a ir regularmente à casa deles.

Com milagres, igreja chega a 500 membros
Meeta conta que em 2005, quando ela tinha 8 anos, seus pais dedicaram a casa como uma igreja doméstica: “Começamos a fazer um culto aos domingos. Muitas pessoas que nunca tinham ouvido falar de Jesus vinham de outros vilarejos e rapidamente a congregação atingiu o número de 500 pessoas”.

No entanto, nem todos gostaram disso e o pai dela foi atacado várias vezes. “Mas ele nunca desistiu da sua fé e nos encorajava a confiar no Senhor sempre. Ele sempre nos lembrava de que está escrito na Bíblia que a perseguição virá quando servimos ao Senhor”, conta.

Ela também diz que nunca pensou em desistir, pois “a perseguição vem por um tempo e temos que passar por ela; é somente através da perseguição que podemos realmente perceber as bênçãos de Deus sobre nossa vida”. Historia continua…

Amigo De Cristo Noticias / Portas Abertas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui