Siga-Nos

Mundo Cristão

Pregador de rua é preso em Londres acusado de violar a paz

Publicado:

em

Pregador de rua é preso em Londres acusado de violar a paz

Pregador de rua é preso em Londres acusado de violar a paz

Um vídeo compartilhado no Twitter mostrando um pregador de rua sendo preso em Londres pela polícia, sob a acusação de violar a paz, na estação de Southgate. O vídeo do incidente viralizou e já foi visualizado mais de 1,8 milhão de vezes.

No vídeo, o homem não identificado é confrontado por dois policiais que dizem que se ele se recusar a deixar a área, ele será preso por uma violação da paz. Um deles diz: “Você está incomodando as pessoas, está causando problemas e está violando a paz delas”.

O homem diz que não partirá porque “preciso dizer às pessoas que Jesus é o único caminho, a verdade e a vida”, ao que o policial diz “Eu aprecio isso, mas ninguém quer ouvir isso, eles querem que você vá embora ‘

Quando o homem levanta a voz, ele é algemado e outro oficial pega sua Bíblia. O pregador diz: “Não, não, não, não leve minha Bíblia embora”, ao que o oficial diz: “Você deveria ter pensado nisso antes de ser racista”.

Não está claro o que o pregador disse que desencadeou o incidente.

O vídeo foi publicado pelo usuario, EyeOnAntisemitism, que disse: ‘Eu estava lá, eu posso dizer que este homem estava pregando e não fez nada errado, tinha uma pessoa hostil perto dele. Ele estava um pouco alterado … mas.

Muitos pediram à polícia que pedisse desculpas pelo incidente. Cristãos e ateus expressaram sua indignação com o incidente. O clérigo anglicano e ex-capelão da rainha, Rev. Dr. Gavin Ashenden, foi um dos que se manifestaram.

“A polícia limitou a liberdade de expressão e se tornou cristã”, escreveu ele no Twitter. “Se deixarmos de protestar, perderemos nossa liberdade perante a lei.”

O homem liberado posteriormente.

Advertisement
Clique para comentar

Deixe uma resposta

Trending