Principios para alcançar as promessas de Deus

Principios para alcançar as promessas de Deus
Principios para alcançar as promessas de Deus

Um dos assuntos mais emocionantes da Bíblia, e que mais mexem com o ser humano, são as promessas que Deus tem para nós. São estas promessas que tem dado ao homem forças para poder continuar vivendo neste mundo mal, uma vez que a Palavra de Deus nos dá a convicção do cumprimento de cada uma delas, já que são infalíveis e eternas.

Entretanto, precisamos entender que as promessas de Deus são derivadas da Sua vontade e elas superam qualquer uma de nossas expectativas.

Principios para alcançar as promessas de Deus

Porém, se faz necessário que separemos as promessas do Senhor em dois grupos, para que possamos ter uma visão mais ampla dos Seus propósitos para as nossas vidas.

O primeiro grupo é formado pelas promessas que não dependem de nenhuma condição, quais sejam: “a vitória da igreja sobre as potestades e entidades do mal”; “o juízo sobre os pecadores contumazes”; “a volta de Jesus Cristo”.

Já o segundo grupo são aquelas que, em sentido contrário às do primeiro, dependem de condições que foram determinadas. E é sobre estas que gostaríamos de refletir com você, que está lendo este texto. Olhando para os versículos acima, podemos verificar diversas condições que nos são impostas, tais como:

Buscai o Senhor: A busca de uma proximidade com o Senhor deve ser uma constante em nossas vidas. O interessante é que existem pessoas que vivem adiando este momento, entendendo que esta possibilidade estará sempre a nossa disposição, já escrevemos sobre isto. Porém logo após a esta determinação, está escrito “…enquanto se pode achar”, ou seja, está muito claro que esta possibilidade, em determinado momento, deixará de existir e poderá ser muito tarde.

Invocai-o: Invocar o nome do Senhor não é simplesmente dizer o Seu nome. Quando O invocamos estamos demonstrando, para Ele, toda a nossa dependência, o quanto precisamos de sua ajuda, que a nossa vida sem a Sua presença não tem nenhum valor.

Entretanto, também, aqui está claramente demonstrado que esta possibilidade, num determinado instante poderá não estar mais presente, pois está escrito, logo adiante, “…enquanto está perto”, e também aqui, vemos pessoas adiando este momento.

Deixe o ímpio o seu caminho: Deixar este caminho é o arrependimento sincero, o abandono do pecado, é aceitar Jesus como Senhor e salvador.

E o homem maligno, os seus pensamentos: Aqui a condicionante diz respeito ao abandono de pensamentos egoístas, orgulhosos, soberbos, voltados somente para si próprio, sem a visão da soberania de Deus em nossas vidas.

E se converta ao Senhor: Converter-se é o ato de mudar de rumo, de direção. No caso do versículo é passar a seguir Jesus, porém isto não acontece da noite para o dia, é um processo constante de renovação em nosso caráter e só conseguiremos tendo uma relação muito próxima com o Senhor.

Torne para o nosso Deus: Voltar-se para Deus significa colocá-Lo em primeiro lugar em nossas vidas, abandonar antigas práticas que, muitas vezes, o homem não está disposto a fazê-lo, é procurar, apesar de todas as nossa limitações, um caminho que nos leve, cada dia mais, a nos aproximar do Senhor. É muito difícil esta caminhada, porém trata-se de tentarmos diariamente, caindo, levantando, mas indo em frente rumo ao alvo.

Sendo assim, se queremos desfrutar das promessas divinas, precisamos levar em conta as condicionantes que nos são colocadas, isto é, existe uma parte do processo que cabe a cada um de nós e você pode ter certeza que a parte do Senhor já foi feita.

Alcançar as promessas de Deus` é um desejo de todos nós, porém precisamos ficar cientes de que, para que isto aconteça, precisamos conhecê-Lo e entender que, este processo, é um via de mão dupla, onde cada um precisa fazer a sua parte. Não tenha dúvida, Deus já fez a Dele, o que precisamos é fazer a nossa.

Por:Marcio Motta / Palavra Fiel

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here