Pastor Silas Malafaia comenta sobre os protestos no Brasil

Pastor Silas Malafaia comenta sobre os protestos no Brasil
Pastor Silas Malafaia comenta sobre os protestos no Brasil

Pastor Silas Malafaia critica protestos no Brasil.

Avaliando a situação, o pastor Silas Malafaia comentou sobre a “manipulação”, “baderna” e “violência” de grupos influenciando os protestos.

De acordo com o pastor, movimentos de multidões sem lideranças não “acabaram bem”. “Não por culpa do povo, mas pela manipulação de ideólogos que por interesses mesquinhos levam o povo a fazer coisas não convenientes.”

No Brasil, Silas Malafaia cita como exemplo desses “ideólogos” o que ele chama de “esquerdopatas ultraradicais”, “que pregam baderna, vandalismo, derramamento de sangue, para que possa haver uma verdadeira revolução”.

“Métodos comunistas e de reacionários estão falidos, mas que eles querem ressuscitar. Aí é que está o perigo porque o povo não percebe este tipo de manipulação feita por gente bem treinada para os objetivos que acabei de citar”.

Malafaia afirma que a sociedade não pode ficar a mercê de grupos que convocam o povo com pretexto de alguma revolta popular. “Parar o país e causar problemas mais profundos para a nação.”

“O perigo de manifestações incontroláveis – e a história já tem nos mostrado – é se tornar uma verdadeira “caça às bruxas de gente perversa que usa multidões para conseguir atingir seus objetivos inescrupulosos.”

 Silas Malafaia critica ainda a imprensa “formada por jornalistas esquerdopatas” que está motivando as manifestações contra o projeto que eles apelidaram de “cura gay”.

Malafaia se refere ao projeto do deputado evangélico João Campos (PSDB-GO) que susta parte da resolução do Conselho Federal de Psicologia que proíbe o tratamento psicológico para homossexuais. Segundo ele, o projeto foi erroneamente chamado pela mídia de ‘projeto de cura gay’, pois ele não propõe a cura.

Malafaia conclui dizendo “Manifestação pacífica por um tempo determinado sim! Baderna e vandalismo, mil vezes não!”

Veja também: Protestos no Brasil é destaque na imprensa internacional

“Como povo de Deus, cabe-nos orar e ficarmos alertas. Somos cidadãos e já demos exemplos de fazermos manifestação pacífica com mais de 70 mil pessoas sem nenhum tipo de baderna ou vandalismo.”

Informações: The Christian Post / Verdade Gospel

COMPARTILHAR