Novela da Globo terá sua primeira ‘heroína evangélica’

Novela da Globo contará com participção de sua primeira heroína evangélica
Novela da Globo contará com participção de sua primeira heroína evangélica

Novela da Globo terá sua primeira heroína evangélica. A próxima novela da Globo deve, finalmente, contar com uma mocinha evangélica. Esta deve ser interpretada por Tatá Weneck, ex-MTV.

Segundo a Folha de S. Paulo, a personagem de Walcyr Carrasco será uma moça pobre que fará de tudo para se dar bem na vida.

Incentivada pela mãe, ela tentará se dar bem engravidando de pagodeiros e jogadores de futebol famosos.

Entretanto, sua vida irá mudar quando se tornar evangélica e ela deve ainda se tornar uma famosa cantora gospel.

Segundo o jornal O Povo, o autor irá mostrar que a religião pode levar à uma concepção correta de felicidade.

Tatá Werneck é conhecida pelo seu humor escrachado, entretanto, disse que irá levar o papel com seriedade.

A notícia vem depois de uma reunião entre líderes evangélicos, como o pastor Silas Malafaia e o bispo Robson Rodovalho, e executivos da Globo, cogitando a possibilidade de haver uma “heroína evangélica” nas teledramaturgias.

Para eles, era a hora da Globo investir em personagens evangélicos nas novelas, “uma mocinha do horário nobre”.

Por outro lado, para a Globo essa é uma importante maneira de aproximação aos evangélicos, que constituem uma massa crescente no Brasil, representando cerca de 23% da população brasileira.

Fonte: The Christian Post

5 COMENTÁRIOS

  1. Nós evangélicos não podemos aceitar esta artimanha articulada pelo inimigo de nossas almas,cujo o propósito da globo é tirar mais os evangélicos do foco que é Cristo para dar mais
    ibope.Desperta tu que dormes e Cristo te esclareceras

  2. David, você falou tudo!!! É isso mesmo. A rede ‘Esgoto’ quer que os evangélicos percam seu precioso tempo de frente para a tv vendo novela. Não interessa se vai ter ou não personagem evangélico, não percam seu tempo! Também acho que o Festival de Promessas, essas contratações de cantores evangélicos pela Sony,tudo isso, é uma cilada da ‘rede Esgoto’. É lamentável.

  3. Caros (as) Amigos (as) Como sempre os Senhores do Poder dessa Renomada Empresa Satã “GLOBO” vem tentando e querendo enganar o povo deste País, os mesmos deveria estudar a Bíblia, ao em vez de ridicularizar já sofrida por pecadeiros . Vamos pensa juntos:

    Desde quando a “Globo” estar preocupada com os evangélicos o povo de Deus fala sério! Criar “Heroína Evangélica”?! Um persona para dar audiência nas noites de novelas globais qual é o verdadeiro interesse dessa personagem que nem se quer sabe e, tem entendimento vida cristã onde a interpretação será uma atriz não cristã.

    Agüenta povo Deus!

    E mais levando a nação evangélica ao ocupar o seu precioso tempo para estudar a Bíblia para ficar alienado diante de uma telinha de TV para ver uma “Heroína Evangélica”?!

    Vamos refrescar as nossas memórias aos noveleiros de Platão e para aqueles que têm seu tempo precioso para ver a tal “Heroína Evangélica”?! Ou já esqueceram o que o Globo já jogou nas nossas caras todas suas idéias podres Amados:

    01 – “No capítulo desta sexta-feira, primeiro de junho de 2012, Avenida Brasil se tornou mais uma novela da rede Globo que irritou evangélicos brasileiros ao levar para a tv mais uma personagem com estereótipo cristão supostamente conservador. A personagem Dolores, vivida pela atriz Paula Burlamaqui, tirou a roupa no escritório do ex-marido Diógenes, interpretado por Otávio Augusto, com o qual não tinha mais qualquer relacionamento, para dizer que não estaria mais em pecado. A cena considerada por muitos cristãos na internet como surreal e absurda foi exibida no horário nobre da TV brasileira.

    Na trama de Avenida Brasil, escrita por João Emanuel Carneiro, a personagem evangélica Dolores era uma atriz pornô conhecida pelo nome artístico de “Soninha Catatau” e que abandonou o filho Roni, mas após sua conversão tenta se reaproximar do jovem, que seria gay. A cena que causou tanta revolta começa com “Dolores” procurando o filho na empresa de seu ex marido, pai do jovem, mas é impedida pelo próprio “Diógenes” que a leva para seu escritório e tenta convencê-la a não procurar mais o Roni, em troca ele doaria saias “maria mijonas” para a igreja que ela freqüenta. Após a recusa da mulher e a insistência do ex marido ao lembrar do passado dela como atriz pornô, Dolores sem se importar com todas as janelas do escritório estarem abertas, começa a tirar a roupa e ficar apenas de calcinha e sutiã afirmando que “eu fui curada, Diógenes. Eu não dependo mais de sexo, eu ‘tô’ curada. Jesus me libertou. Entendeu? Eu ‘sô’ feliz agora. Agora que eu tirei o sexo da minha vida a minha nudez não significa nada!”, diz ela….(http://noticias.gospelmais.com.br/evangelica-novela-avenida-brasil-tira-roupa-assista-cena-36441.html)”

    02 – Mais uma vez a Rede Globo de televisão, usa sua novela para denegrir a imagem dos evangélicos. Por um lado à emissora tenta ‘agradar’ o ego dos ‘crentes’ com o Festival Promessas, que o objetivo principal não é louvar a Deus, mas sim promover uma disputa entre cantores evangélicos, transformando-os em celebridades ao aparecer em sua telinha ‘diabólica’.

    Nesta última segunda-feira, 01/10, a Novela Avenida Brasil, apresentou o momento do casamento da suposta evangélica Dolores (Paula Burlamaqui), que outrora era atriz de filmes pornôs, sob o nome de ‘Soninha Catatau’. No drama Soninha se converte a igreja evangélica, e rejeitando o seu antigo nome de atriz.

    Durante o decorrer do drama, Dolores, diversas vezes tenta denegrir a imagem da mulher evangélica e uma das cenas, ela faz sexo com seu ex-marido e logo se ‘arrepende’.
    Durante seu casamento do Diógenes, pode-se notar que a cerimônia não é e nunca será evangélica, repare nos quadros de fundo da parede, aparece o logotipo da suposta ‘Igreja Esotérica Sul América’, se é esotérica não pode ser evangélica.

    Além disso, como diz no site oficial da novela “Dolores não consegue se conter e deixa o espírito de Soninha Catatau baixar. Ela tira os sapatos, dá um grito e começa a dançar. ‘Meu nome é Soninha! Soninha Catatau!’, diz ela, fazendo um strip-tease em cima da mesa.
    Fizeram uma suposta evangélica possessa por demônios.
    “Com a boa parte da ‘crentaiada’ sob seu domínio, por conta do Festival Promessas e dos artistas gospel, a Globo sente-se bem à vontade para fazer seu escarnecimento”, diz o blogueiro Paulo Teixeira do blog Holofote.
    (http://www.midiagospel.com.br/evangelica-de-avenida-brasil-fica-possuida-casamento)

    Amado o que já vimos dessa, GLOBO Satã e, que podemos esperar desse lixo de novela, dessa tal “Heroína Evangélica”?! Mais uma vez a Globo vai tentar ridicularizar a nação cristã eles enricando cada vez mais e com o seu precioso tempo desperdiçados e muitos ficando cegos sem saber da verdade.

    Povo de Deus acorde amados tudo que eles querem é levar para perdição e não para verdade a palavra de DEUS.

    Amados, se nós aceitarmos isso “Com toda certeza estamos em concordância com essa mentira e falsa história deles ”.
    Bem!?! Se continuar a prevalecer essas BERRAÇÕES DAS TELEDRAMATURGIAS, todos eles dever ter uma roupa a prova de fogo!

    E vocês querem comprar essa roupa à prova de inferno?
    Sejam todos bem vindos ao Lago que arde com fogo e enxofre; o que é a segunda morte

  4. Caros (as) Amigos (as) Como sempre os Senhores do Poder dessa Renomada Empresa Satânica “GLOBO” vem tentando e querendo enganar o povo deste País, os mesmos deveria estudar a Bíblia, ao em vez de ridicularizar já sofrida por pecadeiros . Vamos pensa juntos:

    Desde quando a “Globo” estar preocupada com os evangélicos o povo de Deus fala sério! Criar “Heroína Evangélica”?! Um persona para dar audiência nas noites de novelas globais qual é o verdadeiro interesse dessa personagem que nem se quer sabe e, tem entendimento vida cristã onde a interpretação será uma atriz não cristã.

    Agüenta povo Deus!

    E mais levando a nação evangélica ao ocupar o seu precioso tempo para estudar a Bíblia para ficar alienado diante de uma telinha de TV para ver uma “Heroína Evangélica”?!

    Vamos refrescar as nossas memórias aos noveleiros de Platão e para aqueles que têm seu tempo precioso para ver a tal “Heroína Evangélica”?! Ou já esqueceram o que o Globo já jogou nas nossas caras todas suas idéias podres Amados:

    01 – “No capítulo desta sexta-feira, primeiro de junho de 2012, Avenida Brasil se tornou mais uma novela da rede Globo que irritou evangélicos brasileiros ao levar para a tv mais uma personagem com estereótipo cristão supostamente conservador. A personagem Dolores, vivida pela atriz Paula Burlamaqui, tirou a roupa no escritório do ex-marido Diógenes, interpretado por Otávio Augusto, com o qual não tinha mais qualquer relacionamento, para dizer que não estaria mais em pecado. A cena considerada por muitos cristãos na internet como surreal e absurda foi exibida no horário nobre da TV brasileira.

    Na trama de Avenida Brasil, escrita por João Emanuel Carneiro, a personagem evangélica Dolores era uma atriz pornô conhecida pelo nome artístico de “Soninha Catatau” e que abandonou o filho Roni, mas após sua conversão tenta se reaproximar do jovem, que seria gay. A cena que causou tanta revolta começa com “Dolores” procurando o filho na empresa de seu ex marido, pai do jovem, mas é impedida pelo próprio “Diógenes” que a leva para seu escritório e tenta convencê-la a não procurar mais o Roni, em troca ele doaria saias “maria mijonas” para a igreja que ela freqüenta. Após a recusa da mulher e a insistência do ex marido ao lembrar do passado dela como atriz pornô, Dolores sem se importar com todas as janelas do escritório estarem abertas, começa a tirar a roupa e ficar apenas de calcinha e sutiã afirmando que “eu fui curada, Diógenes. Eu não dependo mais de sexo, eu ‘tô’ curada. Jesus me libertou. Entendeu? Eu ‘sô’ feliz agora. Agora que eu tirei o sexo da minha vida a minha nudez não significa nada!”, diz ela….(http://noticias.gospelmais.com.br/evangelica-novela-avenida-brasil-tira-roupa-assista-cena-36441.html)”

    02 – Mais uma vez a Rede Globo de televisão, usa sua novela para denegrir a imagem dos evangélicos. Por um lado à emissora tenta ‘agradar’ o ego dos ‘crentes’ com o Festival Promessas, que o objetivo principal não é louvar a Deus, mas sim promover uma disputa entre cantores evangélicos, transformando-os em celebridades ao aparecer em sua telinha ‘diabólica’.

    Nesta última segunda-feira, 01/10, a Novela Avenida Brasil, apresentou o momento do casamento da suposta evangélica Dolores (Paula Burlamaqui), que outrora era atriz de filmes pornôs, sob o nome de ‘Soninha Catatau’. No drama Soninha se converte a igreja evangélica, e rejeitando o seu antigo nome de atriz.

    Durante o decorrer do drama, Dolores, diversas vezes tenta denegrir a imagem da mulher evangélica e uma das cenas, ela faz sexo com seu ex-marido e logo se ‘arrepende’.
    Durante seu casamento do Diógenes, pode-se notar que a cerimônia não é e nunca será evangélica, repare nos quadros de fundo da parede, aparece o logotipo da suposta ‘Igreja Esotérica Sul América’, se é esotérica não pode ser evangélica.

    Além disso, como diz no site oficial da novela “Dolores não consegue se conter e deixa o espírito de Soninha Catatau baixar. Ela tira os sapatos, dá um grito e começa a dançar. ‘Meu nome é Soninha! Soninha Catatau!’, diz ela, fazendo um strip-tease em cima da mesa.
    Fizeram uma suposta evangélica possessa por demônios.
    “Com a boa parte da ‘crentaiada’ sob seu domínio, por conta do Festival Promessas e dos artistas gospel, a Globo sente-se bem à vontade para fazer seu escarnecimento”, diz o blogueiro Paulo Teixeira do blog Holofote.
    (http://www.midiagospel.com.br/evangelica-de-avenida-brasil-fica-possuida-casamento)

    Amado o que já vimos dessa, GLOBO Satã e, que podemos esperar desse lixo de novela, dessa tal “Heroína Evangélica”?! Mais uma vez a Globo vai tentar ridicularizar a nação cristã eles enricando cada vez mais e com o seu precioso tempo desperdiçados e muitos ficando cegos sem saber da verdade.

    Povo de Deus acorde amados tudo que eles querem é levar para perdição e não para verdade a palavra de DEUS.
    Amados, se nós aceitarmos isso “Com toda certeza estamos em concordância com essa mentira e falsa história deles ”.
    Bem!?! Se continuar a prevalecer essas BERRAÇÕES DAS TELEDRAMATURGIAS, todos eles dever ter uma roupa a prova de fogo!

    E vocês querem comprar essa roupa à prova de inferno?
    Sejam todos bem vindos ao Logo que arde com fogo e enxofre; o que é a segunda morte.

    A quem o sistema quer enganar a mim! Sem Chance!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here