Igreja Mundial do Poder de Deus ignora decisão judicial e realiza evento em Guarulhos

Igreja Mundial do Poder de Deus ignora decisão judicial e realiza evento em Guarulhos, SP
Igreja Mundial do Poder de Deus ignora decisão judicial e realiza evento em Guarulhos

Igreja Mundial do Poder de Deus ignora decisão judicial e realiza evento em Guarulhos – Mesmo com uma liminar da Justiça proibindo uma vigília organizada pela Igreja Mundial do Poder de Deus, que duraria toda a madrugada no recém-inaugurado megatemplo Cidade Mundial, em Guarulhos (Grande SP), pastores e fiéis encheram o local –que comporta até 140 mil pessoas– na noite de ontem.

A suspensão do evento que começaria às 23h foi determinada ontem mesmo pelo juiz Rafael Tocantins Maltez, da 2ª Vara da Fazenda Pública de Guarulhos, atendendo a uma ação popular ajuizada pelo vereador guarulhense Geraldo Celestino (PSDB).

O juiz estabeleceu multa de R$ 100 mil caso a igreja descumprisse a medida.

Maltez alegou que “o caos” ocorrido na inauguração do megatemplo, no dia 1º de janeiro –quando três rodovias ficaram travadas por conta da fila de ônibus nos acostamentos–, iria se repetir.

Resposta

Líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, o apóstolo Valdemiro Santiago, criticou ontem à noite a liminar da Justiça proibindo a vigília.

“Como pode alguém cancelar um evento algumas horas antes quando metade do povo está dentro [do templo]”, disse Santiago durante um culto no templo de Guarulhos (Grande SP), que antecedeu a vigília.

Ele ainda disse durante seu discurso que sua igreja é alvo de perseguição e assegurou aos fiéis que o evento estava mantido.

Nenhum representante da Igreja Mundial do Poder de Deus quis falar com a reportagem sobre a decisão da Justiça.

Informações: UOL

36 COMENTÁRIOS

  1. Esse vereador tem de cuidar de coisas mais importantes como educação e saude e deixar o povo que acredita e tem fé em paz!!!
    Ninguem é obrigado a ir a igreja !
    mas ninguem tbm tem o direito de impedir quem acredita e tem fé a ir!!!
    estamos em um pais livre!!!

  2. ESTA REALIZACAO DA IMPD E A PROVA DE QUE DEUS OPERA NESTE TEMPLO NAO ESTAMOS FALANDO DE UMA IGREJA COM UMA OU MIL PESSOAS MAS SIM CENTO E QUARENTA MIL PESSOAS OU MAIS AGORA IMAGINEM DEUS TEM DE EXISTIR OU JAMAIS ESTA REUNIAO SERIA REALIZADA POIS ACREDITEM AMIGOS E IRMAOS ESSES HOMENS DE FE REALMENTE SAO VERDADEIROS HOMENS DE DEUS POIS EXISTEM PROVAS VIVAS DE QUE DIARIAMENTE DIVERSAS PESSOAS SAO CURADAS LIVRADAS DO MAL LARGANDO DROGAS VICIOS BEBIDAS CIGARRO SAINDO DO FUNDO DO POSSO DESENGANADAS PELA MEDICINA E ENTAO EXISTE OU NAO A ACAO DA MAO DE DEUS ATRAVES DESTES HOMENS DE FE NAO PERCA TEMPO MEUS IRMAOS PROCURE URGENTEMENTE UMA IGREJA E SE CERTIFIQUE DA VERACIDADE POIS SOMENTE VOCE QUE REALMENTE PRECISA DE UM MILAGRE EM SUA VIDA VOCE NAO VAI ENCONTRAR EM OUTRO LUGAR ISSO EU LHE GARANTO. QUE DEUSW ILUMININEM ESSES HOMENS QUE SUPORTYEM AS CALUNIAS POIS DEUS ESTA COM ELES E ESTARA SEMPRE.

    • Conheço a igreja protestante desde infancia, ja se fazem mais de trinta anos e sabemos que estes sinais tem aumentado muito,pois DEUS DIZ: JESUS ESTA AS PORTAS…..mas estão preocupados com transito, buzinas de carro, estacionamento,etc,etc,etc…..

  3. O juiz que concedeu essa liminar, não se baseou em preceitos legais, o vereador que requereu essa ação, deveria sim era ver os reais problemas de sua cidade e daí agir, esse vereador (de meia tijela) preocurado em fazer “guerra” contra as milhares de pessoas, que vão a igrj Mundial por sua livre e expontânea vontade, em busca de DEUS. Deveria sim esse juiz antes de conceder essa “liminar” que diga-se muito questionável, respeitar a vontade das milhares de pessoas que frequentam a igrejs Mundial, em vez de atender os caprichos desse irresponsável vereador. Esse vereador deveria sofrer ações por partes dos membros de diferentes lugares do Brasil e ao “pipocar” essas ações em sua porta. e ter que responde-lás judicialmente, nas cidades de origem das ações, aí sim ele saberá com quem mexeu.

  4. Ninguém esta perseguindo a IMPD ou seus fiéis a questão é outra,quem mora perto da igreja é quem sabe:não poder tirar seu carro da garagem porque sua rua esta tomada de carro, não conseguir dormir depois de trabalhar o dia todo porque o som do culto é muito alto,sou católica e devido ao trânsito que se formou em Guarulhos eu não consegui ir a missa isto é justo,eu queria ver se inaugurassem um centro de Umbanda ou outra igreja do lado da casa de vcs e vcs ficassem impossibilitados de sair de casa, de dormir ou até mesmo de ir as suas igrejas se vcs iriam estar feliz , ou ficar quieto sem reclamar.
    Respeito todas as religiões e nós moradores de Guarulhos queremos apenas que a IMPD respeite nossos direitos de ir e vir , de ter as nossas religiões e de poder ter sossego e poder descansar em nossas próprias casas , porque o som não precisa ser tão alto, apenas os féis que estão na igreja tem que ouvir e não a vizinhança inteira ,e milagres acontecem em todas as religiões basta a pessoa ter fé em Deus que alcança.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui