Mulher tenta por fogo em igreja evangélica em Criciúma

Mulher é presa após tentar atear fogo em igreja evangélica

0
Igreja evangélica Assembleia de Deus
Igreja evangélica Assembleia de Deus

Uma mulher de 42 na manhã desta sexta-feira (14), foi presa após tentar atear fogo na igreja evangélica Assembleia de Deus, localizada no centro de Criciúma (SC). A Polícia Militar foi acionada, deteve a mulher e a conduziu para a delegacia.

Segundo o pastor vice-presidente da Assembleia de Deus de Criciúma, Roberto Ohweiller, a mulher parou de frequentar a igreja há aproximadamente dois anos, quando seu marido foi em missão para Balneário Gaivota.

O pastor falou também que a mulher, que atualmente reside em Siderópolis, vem passando por uma forte depressão e que a igreja ofereceu auxílio, mas ela não aceitou.

Ohweiller acredita que a depressão tenha levado a mulher a tentar atear fogo na igreja. “Ela foi lá sem motivo nenhum, acredito que a depressão tenha levado ela a fazer isso”, afirmou.

 Mulher já havia espalhado álcool no auditório da igreja

Ainda de acordo com a PM, a mulher já havia espalhado álcool no chão do auditório da igreja e encontrava-se com uma garrafa de álcool vazia na mão, juntamente com uma caixa de fósforos, no entanto o pastor conseguiu impedi-la a tempo.

A PM informou, também, que a mulher contou aos policiais que iria atear fogo à igreja porque não queriam dar remédios da sua depressão, que nunca a ajudaram e que ficou na igreja durante 3 anos trabalhando como missionária.

Ela disse, ainda, que pagava dízimo e não foi ajudada em nenhum momento até agora e ficou com raiva por não ter sido ajudada com medicamentos.

Diante do fato, a guarnição encaminhou as partes, a mulher e o Pastor, para Central de Flagrantes da Polícia Civil.

Fonte: Jornal Volta Grande

Deixe uma resposta