Escritor cristão é assassinado por publicar charge anti-Islã no Facebook

Escritor cristão jordaniano é assassinado por publicar charge anti-Islã no Facebook

2
Escritor cristão é assassinado por publicar charge anti-Islã no Facebook
Escritor cristão é assassinado por publicar charge anti-Islã no Facebook

Um escritor cristão jordaniano, foi assassinado neste domingo (25/09), por publicar uma charge considerada “blasfema” pelo Islã, na rede social Facebook.

Nahed Hattar, foi morto com três tiros quando ia ao Palácio de Justiça em de Amã, para assistir ao julgamento no qual se lhe acusava de publicar material que pode “provocar o conflito sectário e insultar os sentimentos e crenças religiosas” com a citada caricatura.

Segundo fontes de segurança citadas pela agência oficial “Petra”, a Polícia deteve o agressor – do que não divulgou sua identidade – e o está interrogando.

charge anti-Islã no Facebook
charge anti-Islã no Facebook

A caricatura publicada no Facebook, que tinha o objetivo de ridicularizar as crenças do grupo terrorista Estado Islâmico, mostrava um homem de barba deitado junto de duas mulheres em uma cama no paraíso instruindo Deus a servir-lhes comida e vinho.

Horas depois de postar o desenho, Hattar explicou que tinha intenção de criticar a visão distorcida do paraíso disseminada pelo grupo terrorista Estado Islâmico, de acordo com a diretora regional da Anistia Internacional para o Oriente Médio e Norte da África Randa Habib.

“Ninguém ouviu”, tweetou a ativista neste domingo após o atentado. O escritor assassinado era “uma pessoa controversa por causa de suas posições contundentes e ideias apaixonadas”, acrescentou na rede social.

Hattar já havia provocado controvérsias antes por escrever artigos apoiando o presidente sírio Bashar al-Assad.

A Jordânia é uma liderança árabe da coalizão chefiada pelos Estados Unidos que combate o Estado Islâmico na Síria e no Iraque. Além de realizar ataques aéreos contra os terroristas, o país mantém tropas de coalizão em terra.(Com informações IG/TERRA)

Veja mais notícias sobre Cristão

2 COMENTÁRIOS

  1. bem feito quem manda zombar da religiao dos outros,isso e islamofobia,nao existe cristofobia e sim islamofobia praticada por cristaos contra os muçulmanos.

Deixe uma resposta