Pastor acusado no caso da máfia das sanguessugas é inocentado pela Justiça

0
Pastor acusado no caso da máfia das sanguessugas é inocentado pela Justiça
Pastor acusado no caso da máfia das sanguessugas é inocentado pela Justiça

O pastor Heleno, hoje exerce o cargo de prefeito no município de Canindé de São Francisco Estado (Sergipe), foi Deputado Federal na época do escândalo da, “máfia das sanguessugas”, em 2006, onde foi acusado na participação do esquema fraudulento.

Após 7 anos de investigação a Justiça Federal de Sergipe inocenta o pastor Heleno Silva da acusação de participar da,“máfia das sanguessugas”, fraudes em licitações na área de saúde para aquisição de ambulâncias. O esquema foi desarticulado em 2006.

De acordo com a decisão do juiz Ronivon de Aragão, da 2ª Vara Federal em Sergipe, a absolvição de Heleno ocorreu “em função de não existir prova para a condenação”.

“Não houve prova adicional, nesta demanda cível, a importar em conclusão diferente, tanto porque as provas hauridas foram as mesmas, inexistindo inovação em relação ao que se conteve nas demandas penais ora referidas. Ante todo o exposto, JULGO IMPROCEDENTES os pedidos contidos nesta Ação Civil Pública por ato de improbidade administrativa “, consta trecho da decisão.

Para Heleno, foi um período difícil, tanto para ele como para família. “Foram anos tendo minha vida investigada mas sempre tive a convicção da minha inocência. Graças a Deus fui inocentado e a justiça foi feita. Agradeço minha família e aos amigos pelo apoio que sempre me deram nestes últimos sete anos acreditando sempre em minha inocência”.

Com informações Infonet / Inforgospel

Deixe uma resposta