Papa ordena saída de ‘bispo de luxo’ de diocese da Alemanha

0
Papa ordena saída de ‘bispo de luxo’ de diocese da Alemanha
Papa ordena saída de ‘bispo de luxo’ de diocese da Alemanha

Papa Francisco ordenou que o bispo alemão Franz-Peter Tebartz-van Elst, batizado pela imprensa como o  “bispo de luxo do papa” por gastar cerca de 31 milhões de euros (R$ 103 milhões ) em uma residência, deixe a diocese em que trabalha por um período indeterminado, informou o Vaticano nesta quarta-feira (23).

Saiba mais: Bispo alemão gasta 31 milhões da Igreja Católica para construir sua residência

A decisão, que representa quase uma demissão, foi tomada contra o bispo de Limburg dois dias após um encontro dele com o Papa para discutir o escândalo na Igreja da Alemanha, num momento em que Francisco busca ressaltar a importância da humildade e de servir aos pobres.

O caso revoltou os católicos alemães, num país em que Lutero promoveu uma reforma cinco séculos atrás após criticar abusos da Igreja, e levou o bispo a enfrentar uma forte pressão para deixar o cargo.

 Bispo do ‘luxo’do Papa Francisco

Os gastos com a construção da residência custaram um valor bem acima do orçamento inicial de 2,5 milhões de euros (R$ 7,4 milhões) previstos inicialmente. A quantia cresceu em boa parte por conta dos extras, como uma banheira de 15 mil euros (R$44,4 mil); uma mesa de reuniões de 25 mil euros (R$ 74 mil); e uma capela particular de 2,9 milhões de euros (R$ 8,5 milhões).

Com informações o GLOBO

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA