Filho perdoa pai que tentou o matar com injeção de vírus HIV para não ter que pagar pensão

2
Filho perdoa pai que tentou o matar com injeção de vírus HIV para não ter que pagar pensão
Filho perdoa pai que tentou o matar com injeção de vírus HIV para não ter que pagar pensão

Filho perdoa pai que tentou o matar com injeção de vírus HIV para não ter que pagar pensão. Depois de seu pai, Brian Stewart, ter tentado lhe matar ainda bebê, Brryan Jackson, de 22 anos, relatou recentemente que ora pela salvação de seu pai, agora que conseguiu finalmente perdoá-lo, depois de muito sofrimento.

“Eu acho que há salvação para todos e eu me encontro às vezes orando pela salvação de meu pai”, declarou o jovem em entrevista recente para o canal norte-americano Fox News 2.

Quando estava com apenas onze meses de idade, o pai de Brryan decidiu injetá-lo com sangue contaminado pelo vírus HIV (Vírus da Imunodeficiência Humana) para que o filho viesse a óbito e ele não tivesse que pagar pensão alimentícia em processo de separação com a mãe do menino. Acusado de agressão em primeiro grau, Brian Stewart foi condenado à prisão perpétua.

Com o vírus da AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida) desde os cinco anos, Brryan passou por uma longa batalha interna para conseguir eximir seu pai da culpa da doença, e hoje credita sua fé cristã por ter dado abertura ao caminho da compaixão.

O perdão não é fácil. Eu sabia o que meu pai fez para mim desde quando tinha 5 anos, mas não quero me rebaixar ao nível que ele se encontrava. Quero ser um homem melhor. Eu quero ser alguém que saia desta deixando rostos felizes”, disse ele durante a premiação TeenNick HALO 2009.

A cerimônia do TeenNick HALO é realizada todos os anos pelo canal Nickelodeon, para homenagear jovens com histórias de superação que possam inspirar ou ajudar outros jovens, e a trajetória de Brryan Jackson o levou a receber o prêmio em 2009 .

Com o auxílio médico e uma forte base espiritual, Brryan pôde ultrapassar obstáculos como evitar o avanço da infecção, sofrer bullying por conta da AIDS e até mesmo pensar em suicídio. Ele quer seguir sua vida na faculdade e tem a intenção de seguir com carreira no ministério da igreja ou na política. Ele trabalha na ONG Hope Is Vital (Esperança é Vital) voltada para ajudar pessoas contaminadas pelo vírus HIV.

Informações The Christian Post

2 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta