Cristãos são castigado com 80 chicotada por tomarem a ceia

2
Cristãos são castigado com 80 chicotada por tomarem a ceia
Cristãos são castigado com 80 chicotada por tomarem a ceia

Um tribunal da cidade iraniana de Rasht condenou quatro membros da Igreja do Irã, a oitenta chibatadas cada um por ter bebido vinho durante um culto de comunhão a Santa Ceia.

A sentença, assinada e datada em 06 de outubro, condena Behzad Taalipasand, Mehdi Reza Omidi (Youhan), Mehdi Dadkhah (Danial) e Amir Hatemi (Youhanna), pelo crime de terem consumido álcool. O veredito foi enviado no dia 20 de outubro e terá dez dias para que eles recorram à sentença.

Behzad Taalipasand e Mehdi Reza Omidi (Youhan) foram presos no dia 31 de dezembro durante uma das ofensivas contra a igrejas domesticas por parte do governo iraniano.

Mervyn Thomas, diretor executivo da Christian Solidarity Worldwide (CSW), uma organização cristã que trabalha para a liberdade religiosa internacional através da defesa dos direitos humanos e da busca pela justiça tem expressado o seu protesto.

Em suas declarações ele diz que “as sanções impostas sobre os membros da Igreja do Irã, na prática castigam a celebração cristão em participar da Ceia do Senhor, constituindo então uma violação inaceitável do direito de praticar de maneira livre e pacífica e própria fé. Pedimos as autoridades iranianas que garantam que as praticas e os procedimentos legais do país não se contradizem com suas obrigações internacionais assumidas pelo Convento Internacional dos Direitos Civis e Políticos (PIDCP), para garantir o pleno exercício da liberdade religiosa ou de crença, por totalidade das comunidades religiosas de seu país”.

Informações portal Padom