Sobe o número de mortos em vigília da Igreja Universal na Angola

2
Sobe o número de mortos em vigília da Igreja Universal na Angola
Sobe o número de mortos em vigília da Igreja Universal na Angola

Sobe o número de mortos em vigília da Igreja Universal na Angola

  O número de mortos durante uma vigília da Igreja Universal do Reino de Deus na Angola na véspera do Ano Novo chega a 16, informou o Angop nesta quarta-feira.

Segundo o jornal estatal da Angola, 16 pessoas foram mortas em um tumulto na entrada do estádio Cidadela Desportiva, onde aconteceu o evento. Entre os mortos estavam três crianças.

As mortes aconteceram por pisoteamento e asfixiamento pela multidão que tentava entrar no estádio. De acordo com Paulo de Almeida, o vice-líder da polícia angolana, cerca de 150.000 pessoas tentaram assistir ao evento em um estádio cuja a capacidade é de 50.000.

Um oficial da IURD, Ferner Batalha, afirmou que esperava a presença de 70.000 pessoas. “Esperávamos 70.000 pessoas, mas esse número foi amplamente superado”, admitiu ele nesta terça à Angop.

A igreja alega que na preparação do evento notificou as autoridades policiais e pediu a colaboração da Cruz Vermelha e das Emergências Medicas para acompanhar a vigília.

Entre os mortos estão quatro crianças; outras 120 pessoas ficaram feridas.

2 COMENTÁRIOS

  1. bom dia eu acho um absurdo ter4 deixado esse trt5emendo rfato, faltou planejamento e controle dos responsãvel pelo evento sendo a capacodade pata 50.000 , dando o desespeiro das pessoas a e4ntrarem para terem o os melhores lugares.os responsável pelo evento tem que apararem os familiares dessas inocentes pessoas.abraços

Deixe uma resposta