Igreja Anglicana em breve deve aceitar mulheres como bispas

0

Igreja Anglicana em breve deve aceitar mulheres como bispas

Igreja Anglicana em breve deve aceitar mulheres como bispas
Igreja Anglicana em breve deve aceitar mulheres como bispas

Igreja Anglicana em breve deve aceitar mulheres bispas, afirmou novo líder da instituição Justin Welby.

A decisão veio após a mais polêmica votação da Igreja Anglicana dos últimos 20 anos que aconteceu no centro de Londres, nesta terça-feira (20) contra a inclusão de mulheres no bispado, novo líder espiritual da Igreja Anglicana, Justin Welby, assegurou esta quinta-feira (23) que a instituição irá aceitar, brevemente, a presença de bispas, apesar da rejeição da medida esta semana.

“Está claro que as mulheres tornar-se-ão bispas da Igreja de Inglaterra (…) não há dúvida sobre isso”, declarou em Abuja, capital da Nigéria.

Nesta terça-feira a Igreja da Inglaterra rejeitou a ordenação de mulheres como bispos, vinte anos depois de ter aberto o sacerdócio ao sexo feminino. A denominação possui 85 milhões de fiéis em todo o mundo, têm independência entre si, o que já possibilitou a ordenação de mulheres nos Estados Unidos, Austrália, Canadá e também em África.

A medida divide anglicanos tradicionalistas e progressistas, tornando o caso um grande desafio para Justin Welby, já que apoia vigorosamente o acesso das mulheres ao episcopado.

Justin Welby é um ex-líder de uma companhia de petróleo escolhido para assumir o cargo de arcebispo de Canterbury e líder dos anglicanos em todo o mundo.

Ele participa nesta manhã de uma conferência na capital nigeriana acompanhado pelo ex-primeiro-ministro britânico, Tony Blair.

O encontro objetiva melhorar as relações entre muçulmanos e cristãos naquele país.

As igrejas anglicanas, que reúnem 85 milhões de fieis em todo o mundo, têm independência entre si, o que já possibilitou a ordenação de mulheres nos Estados Unidos, Austrália, Canadá e também na África.

Deixe uma resposta