Pastor nos EUA ganha vitória na luta para manter a filha com câncer cérebro viva

1
Pastor da Coreia ganha vitória na luta para manter a filha com câncer cérebro viva
Pastor nos EUA ganha vitória na luta para manter a filha com câncer cérebro viva

Um pastor nos EUA ganhou uma vitória em uma batalha legal entre ele e os médicos e advogado de sua filha Sungeun Grace Lee, 28, que está em estado terminal e havia pedido para morrer. O Rev. Man Ho Lee, que acredita que somente Deus pode decidir sobre a vida de Grace, recebeu o direito de ser o procurador em assuntos relacionados à sua saúde.

Um juiz o concedeu recentemente a procuração depois que Grace Lee decidiu que ela queria viver, e dando o direito ao pai de decidir por sua vida quando ela já não tiver mais condições de fazê-lo. Grace está com câncer no cérebro e paralisada do pescoço para baixo, no hospital Universitário de North Shore, em Manhasset, Long Island, Nova York.

Grace Lee havia ganho uma causa contra seus pais pelo seu direito de remover os aparelhos respiratórios que a ajudam a manter-se viva, na semana passada. Entretanto, o advogado dela afirmou que ela mudou de ideia, dizendo que queria viver.

Pastor nos EUA, luta para manter viva filha com câncer terminal
Pastor nos EUA, luta para manter viva filha com câncer terminal

O pai, pastor da Igreja Missionária de Antioquia, no Queens, Nova York, afirma que a filha teria falado de sua vontade morrer por influência dos remédios pesados. Ele e sua esposa afirmam que Grace acredita em permitir a Deus que determine seu destino.

Os familiares também atestam que Grace, que trabalhava como gerente de um banco de finanças, sempre teve vontade de viver. Segundo eles, Grace passou anos ensinando na escola dominical na igreja de seu pai, além de participar de viagens missionárias para a África.

Durante uma semana, doutores do hospital e o advogado de Grace insistiram que ela não poderia mais suportar viver desta maneira e que queria permissão para morrer.

Curta-nos no Facebook

O pai de Grace reclamou que os doutores estavam mais investindo em tirar suas dores com os medicamentos, entretanto, não tratando do seu tumor.

Milhares de apoiadores em Nova York e Nova Jersey estão apoiando a causa orando por Grace todos os domingos.

Jovens membros da igreja também vem trabalhando com uma campanha para que as autoridades a mantenham viva, através de páginas no Facebook e no Tumblr. Eles estão coletando assinaturas para uma petição que já possui mais de 4 mil assinaturas e dizem estar prontos para levar a causa em Washington, caso seja necessário.

“O hospital e o tribunal estão cometendo um erro só porque eles não sabem quem Grace realmente é. (…) Ela é a pessoa mais otimista, positiva e persistente que existe e sempre incentivou os outros a fazerem o mesmo”, escreveram os membros da igreja em uma carta direcionada a outras igrejas coreanas.

Informações: The Christian Post

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta