Deputado Samuel Malafaia critica projeto legalização da prostituição

Deputado Samuel Malafaia critica projeto legalização da prostituição
Deputado Samuel Malafaia critica projeto legalização da prostituição

O deputado estadual Samuel Malafaia (PSD-RJ) criticou o apoio do deputado federal Jean Wyllys (Psol-RJ) ao projeto de legalização da prostituição no Brasil. Para o parlamentar, esse medida violaria os direitos da mulher, já que permitiria a prática de uma exploração que provoca profundas feridas emocionais.

“O deputado federal Jean Wyllys diz que o moralismo ataca injustamente a vida de algumas pessoas. Eu digo o contrário. A imoralidade é uma chaga que corrói os bons costumes e a moralidade das famílias brasileiras”, atacou Samuel Malafaia, que foi mais longe. “A legalização da prostituição facilitaria o tráfico internacional de mulheres e a prostituição infantil. Outros países que passaram pelo mesmo processo se tornaram focos de tráficos de mulheres”.

Criminalidade

Na contramão, Jean Wyllys justificou, em seu projeto de lei, que a legalização pode abrir caminho para combater a prostituição infantil. Com um cadastro das profissionais da prostituição e programas sociais direcionados à classe, ele acredita que é possível dar mais dignidade e segurança às mulheres.

“A mesma sociedade que desaprova a prostituição a utiliza. Essa hipocrisia e moralismo superficial causa injustiças, a marginalização de um segmento considerável da sociedade”, atacou Wyllys.

Marcha para Jesus – Projeto de lei do deputado Samuel Malafaia

Foi apresentado na ALERJ um projeto de lei, de autoria do deputado estadual Samuel Malafaia, que inclui a “Marcha para Jesus” no calendário de datas comemorativas do Estado do Rio de Janeiro. A manifestação cristã é um evento internacional e interdenominacional que ocorre anualmente em milhares de cidades do mundo, reunindo fiéis num ato pacífico movidos pelo amor a Deus.

O projeto regulamenta a “Marcha para Jesus” para ser comemorada no segundo sábado de junho.

Informações:Verdade Gospel

COMPARTILHAR