Falso Cristo, chama os evangélicos de evanjegues!

2
“O que mais tem no Brasil é ‘evanjegue’, diz Inri Cristo

Em entrevista à Folha de São Paulo, o polêmico Inri Cristo, que se autointitula “emissário do Pai”, soltou a seguinte frase: “O que mais tem no Brasil, por exemplo, é ‘evanjegue’, que são esses que se dizem evangélicos porque tem sobre o dorso montado o lobo na pele de ovelha, que lhes chantageia com o dízimo e lhes confisca 10% de seus miseráveis salários.”

Inri lidera sua própria igreja, a Soust (Suprema Ordem Universal da Santíssima Trindade), em Brasília, cidade que considera ser a “Nova Jerusalém”. E vai participar de uma rodada de perguntas “ácidas” como convidado de um projeto liderado pelo humorista Diogo Portugal. A entrevista faz parte do “Fritada” que acontece no Teatro das Artes em São Paulo.

Álvaro Inri Cristo Thais tem 63 anos e é um líder religioso que proclama ser a reencarnação de Jesus Cristo. Está sempre esta em destaque na mídia, debatendo em programas de TV e rádio e muitos o chamam de profeta ou alguém absolutamente excêntrico.

Informações : Guia da Folha

2 COMENTÁRIOS

  1. claro: desprezam a mãe de Jesus que está vestida de sol(poder)ao lado do Filho(salmo45)desconhecem que Deus mandou fazer imagens e proibiu só dos deuses.e fingem não ver que a Igr.Católica é a única que consegue durar 2míl anos para ir em igrejas feitas por homens.o que são?

  2. Infelizmente, ele tem razão, em certo ponto. Há muitas pessoas nas mais estranhas denominações, como a do próprio “inri”, que dão os dízimos e ofertas para tentar negociar com Deus, comprar os favores.
    O pior é que a mídia dá muito espaço a todos os que se opõe ao Evangelho, afinal, a mídia está a serviço do “rei deste século”, e vai ser usada para ajudar a implantar o reinado do anti-Cristo.

    Há crentes passando pelo “vale do sal”, “sessões do descarrego” e coisas parecidas, além de usarem amuletos vendidos em determinadas denominações.

    Jesus Cristo, e sua Palavra, estão muito acima disso.

    Abraço.

Deixe uma resposta