Deputado Marcelo Aguiar questiona Lego por boneco bandido

1

Marcelo Aguiar questiona Lego por “boneco bandido”

O deputado federal Marcelo Aguiar (PSD/SP) apresenta, na próxima semana, pedido de informações à empresa dinamarquesa de brinquedos Lego sobre o lançamento de um “boneco bandido” no Brasil. Membro da Frente Parlamentar em Defesa da Família, o parlamentar demonstrou preocupação com a produção e venda do boneco que faz parte da coleção intitulada “City” (cidade em inglês).

“Fiquei surpreso ao ver a caixa do brinquedo em que bonecos simulam assaltos a caixas eletrônicos”, revelou Marcelo Aguiar. “Ao que me parece a empresa perdeu o foco educativo e pedagógico que sempre norteou seus brinquedos. Ou isso, ou está nitidamente incitando a violência e ensinando nossas crianças que é legal ser bandido”, criticou.

Para o parlamentar, a empresa demonstrou desconhecimento de seu público ao lançar um brinquedo como esse, destinado a crianças de 5 a 12 anos, em um País como o Brasil, que tem sofrido para combater a falta de segurança e os altos índices de violência. “Parece até piada de mau gosto”, afirma Marcelo Aguiar.
O pedido de informações será encaminhado à M. Cassab, distribuidora oficial da Lego no mercado brasileiro e deve exigir explicações sobre os motivos que levaram a empresa a produzir o brinquedo.

De acordo com reportagem publicada na Revista Isto É Dinheiro, mais de 400 milhões de crianças têm acesso aos “bonecos bandidos”, que já figuram entre os mais populares da linha. No Brasil, os brinquedos estão em cerca de 1,5 mil pontos de vendas. “Não podemos permitir que uma empresa tente lucrar com a divulgação de comportamentos deturpados e incorretos sob a desculpa de mostrar ‘os dois lados da moeda’. A venda de um brinquedo desses é tão absurda quanto de armas de brinquedo idênticas às originais”, afirma o parlamentar, autor do PL 2561/2011, proposta que estipula multa para quem produza ou venda essas réplicas.

Assessoria de Imprensa Cantor e Deputado Federal Marcelo Aguiar

www.marceloaguiar.com.br
www.deputadomarceloaguiar.com.br

Twitter: @MarceloAguiar12  |  @MarceloAguiarSP  |  @MarceloAguiarNW

1 COMENTÁRIO

  1. Depois querem pacificar comunidades, ao invés de regulamentar brinquedos e jogos de video game das crianças. Dá mais status, não é? Uma grande mobilização por uma pacificação que atribuir valores éticos aos brinquedos.

Deixe uma resposta